quinta-feira, 9 de janeiro de 2020


A juíza Odete Maria Pessoa Mota Trovão, da 1ª Vara de Viana, determinou a suspensão do Concurso Público na cidade após denúncias do Ministério Público de que o processo estava sendo fraudado, além da existência de possível organização criminosa envolvendo a empresa Crescer Consultorias e o Instituto Machado de Assis.

Para o MP, a empresa Crescer Consultorias está atuando junto a alguns municípios maranhenses, em conluio com o Instituto Machado de Assis, para fraudar procedimentos licitatórios por meio da inclusão, nos editais, de cláusulas ou exigências que restringem a competição e direcionando os certames.

A juíza também determinou o bloqueio nas contas da Prefeitura Municipal de Viana, de todos os valores relativos ao pagamento das inscrições do concurso público, até o trânsito em julgado da sentença, a fim de garantir um possível ressarcimento aos candidatos.

Do G1,MA

0 comentários:

Postar um comentário