quarta-feira, 30 de setembro de 2020



O vereador Renatinho acompanhado por sua esposa visitou mais uma vez os moradores do povoado São Lourenço.

"Essa visita as famílias, reforçam o nosso carinho e apoio, fortalecendo ainda mais nossa união para seguir em frente" destacou Renatinho.



Imagem ilustrativa


Uma adolescente de 17 anos foi morta a facada pelo ex-namorado no último domingo (27) na cidade de Turilândia. O crime aconteceu no povoado Vila da Paz na zona rural do município.

Giselle Maria Azevedo Pereira, 17 anos, moradora da referida povoação, foi esfaqueada pelo ex-namorado identificado como Jhommy. Acusado não aceitava o fim do relacionamento.

A vítima morreu no local, a Polícia Militar foi acionada, realizando rondas na região e busca na casa do acusado que se evadiu.



O candidato a prefeito de São José de Ribamar Dr. Julinho (PL), da coligação “Esperança e mudança para São José de Ribamar” teve seu registro de candidatura impugnado, nesta terça-feira (29), pela promotora eleitoral Bianka Sekkef Rocha.

Na ação, a representante do Ministério Público Eleitoral (MPE) aponta decisão recente do ministro Francisco Falcão, do Superior Tribunal de Justiça (STJ) – baixe aqui a íntegra -, em que o magistrado suspendeu efeitos de sentenças da Justiça do Maranhão anulando acórdão do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE-MA) – que desaprovou contas da sua gestão à frente da Maternidade Benedito Leite em 2007 -, em razão de inobservância aos princípios do contraditório e da ampla defesa.

Para a promotora, ao suspender a anulação que beneficiava o candidato, “o STJ reavivou os efeitos do Acórdão PLTCE/ MA 303/2010, inclusive o da inelegibilidade do pretenso candidato, que estava adormecida pela intervenção da Justiça Estadual na anulação do julgamento das contas de 2007, da Maternidade Benedito Leite”.

Sekkef Rocha acrescenta, ainda, que, apesar de o acórdão do TCE-MA haver transitado em julgado no dia 8 de outubro de 2010, Dr. Julinho cumprira apenas dois anos e um mês de inelegibilidade, em virtude do fato de que uma liminar foi concedida ao gestor em 13 de novembro de 2013. “A partir dessa data, a decisão do TCE em relação a inelegibilidade do pretenso candidato foi suspensa”, ressaltou a representante do MPE.

Dr. Julinho terá prazo de sete dias para apresentar defesa. Em entrevista ao programa Questão de Ordem, na noite desta terça-feira, ele se disse tranquilo em relação ao caso. “Estou cercados de bons advogados”, garantiu.

Baixe aqui a íntegra da impugnação.

Contra-ataque

Numa espécie de contra-ataque, a coligação do candidato Dr. Julinho também impugnou a candidatura do atual prefeito de São José de Ribamar, Eudes Sampaio (PTB), da coligação “Pra frente Ribamar”.

Alega-se nesse caso que Eudes já assumiu a Prefeitura em dois mandatos consecutivos – ele foi vice tanto de Luis Fernando, quanto de Gil Cutrim – e que, por isso, não teria direito a mais uma reeleição.

Gilberto Leda
terça-feira, 29 de setembro de 2020
Pedidos de registros de candidatura aos cargos de prefeito e vereadores - Foto ilustrativa

A campanha eleitoral começou oficialmente à 0h deste domingo (27) e o Tribunal Regional Eleitoral exibe os pedidos de registros de candidaturas da cidade de Cândido Mendes, sendo quatro para o cargo de prefeito, quatro para o cargo de vice-prefeito e 97 para a disputa das 11 vagas na Câmara Municipal de Vereadores. (Clique aqui e confira a relação)

Nas redes sociais, alguns dos candidatos a vereador e o candidato a prefeito, já divulgaram suas primeiras peças publicitárias da campanha eleitoral. A data da votação do primeiro turno é no dia 15 de novembro.




A Promotoria Eleitoral da 48ª Zona de Dom Pedro, representantes de coligação e candidatos aos cargos de prefeito e vice-prefeito nos municípios de Dom Pedro e Governador Archer firmaram, em 24 de setembro, Termos de Ajustamento de Conduta (TACs) prevendo medidas de preservação do sossego público, durante os 45 dias de campanha.

Os acordos, propostos pelo titular da promotoria eleitoral, Denys Lima Rego, também preveem a obediência às determinações da Vigilância Sanitária Estadual quanto ao novo coronavírus e a apresentação dos calendários de campanha, indicando atos, locais e datas.

As atividades poderão ser realizadas somente se estiverem indicadas nos cronogramas. Segundo o representante do Ministério Público Eleitoral, todas as coligações e candidatos encaminharam os calendários no prazo definido, 25 de setembro.

Nos TACs, os candidatos se comprometem a não utilizar fogos de artifício (bombas, foguetes, rojões e similares), cumprir regras eleitorais sobre o uso de aparelhagens de som (carros, motocicletas, caixas amplificadas de som e os chamados “paredões”).

Também se responsabilizam a não usar buzinas amplificadas, instrumentos de percussão ou similares, motocicletas sem escapamento ou quaisquer recursos que desobedeçam aos limites legais de emissão de som.

COMPROMISSÁRIOS

Em Dom Pedro, assinaram o acordo os representantes de coligação José Nilton Lima Vieira (PSL-PP) e Luis Eduardo Mota dos Santos (Solidariedade); os candidatos a prefeito Ailton Mota dos Santos e Leonardo Fonseca Paz, além dos concorrentes ao cargo de vice-prefeito Lucyan Dias Rezende e Mayra Macêdo Uchôa.

No município de Governador Archer, o TAC foi assinado pelos representantes de coligação Joatan Oliveira Lima (Patriota) e Webster Santos Correia (PDT-PTB); os candidatos a prefeito Maria de Jesus Monteiro dos Santos e Jakson Valério de Sousa Oliveira, além dos postulantes ao cargo de vice-prefeito Antonio Neres Gois de Macedo e José Mamédio Lourenço Silva.

DESCUMPRIMENTO

A multa por descumprimento das cláusulas é R$ 100 mil, a serem transferidos ao Fundo Estadual de Direitos Difusos, em 30 dias a contar do recebimento da notificação. Caso o valor não seja depositado, haverá atualização monetária.

O descumprimento das medidas levará a Promotoria Eleitoral à tomada de medidas judiciais cabíveis.



O Ministério Público do Maranhão (MPMA) encaminhou, em 28 de setembro, Recomendação ao secretário de Estado de Segurança Pública, Jeferson Portela, solicitando providências para dotar a Delegacia de Polícia de Cedral com condições adequadas de trabalho.

Os pedidos feitos pelo promotor de justiça Frederico Bianchini Joviano dos Santos, (que está respondendo temporariamente pela comarca) incluem a nomeação de delegado titular e servidores, a reforma da estrutura física e o fornecimento de equipamentos necessários à execução das atividades.

SEM CONDIÇÕES

Desde a aposentadoria do delegado anterior, Sérgio Luís Damasceno, o órgão policial não tem delegado titular porque que não houve a imediata designação de outro profissional. Assim, o delegado regional de Cururupu, Tiago Pinto, tem atuado cumulativamente na delegacia.

Além disso, existe somente um agente administrativo, cedido pelo Município, trabalhando em desvio de função, no auxílio em diligências investigativas, atividade que deve ser realizada por um delegado e um agente de Polícia Civil.

Entre as atividades executadas pelo agente administrativo estão lavratura de termos, autos e mandados; preparo, conclusão e remessa de procedimentos investigatórios; produção de expedientes e estatísticas das atividades cartorárias; organização do cartório, além de classificação de inquéritos, termos circunstanciados, mandados, precatórias e demais atos policiais etc.

ESTRUTURA

Sem prédio próprio, a delegacia também não possui viatura própria, o que leva ao uso indevido de veículos dos servidores. Faltam, ainda, materiais de expediente e mobília adequada.

A delegacia só tem três computadores. Não há registro eletrônico de Boletins de Ocorrência (B.Os), dificultando análise dos procedimentos em tramitação. A Delegacia de Cedral também não tem telefone fixo, o que atrasa a confecção de documentos e registros policiais durante os atendimentos.

A estrutura física não permite condições adequadas aos servidores e presos. O teto tem infiltrações (prejudicando a integridade e autenticidade dos documentos), paredes rachadas, infestação de cupins, falta de local específico para guarda de bens apreendidos, armas e munições.

Sem qualquer controle, as substâncias entorpecentes apreendidas ficam espalhadas em salas, quintal e garagem. Há apenas um cômodo pequeno superlotado com acesso insalubre, em função da umidade excessiva e cupins.

As duas celas existentes não possuem sanitários adequados, têm instalação hidráulica defeituosa, causando infiltrações. Também faltam colchões e cobertores para os presos.

PEDIDOS

O MPMA requer a designação de um delegado titular e três agentes de Polícia Civil para execução de atividades e auxílio nas investigações.

Também solicita a disponibilização de dois computadores novos, com acesso à Internet, para as atividades e registro eletrônico de boletins de ocorrência; instalação de aparelho de telefone fixo, fornecimento colocação de cadeiras, mesas, armários, materiais de expediente e condições mínimas de trabalho.

Outro pedido é a reforma nas celas da cadeia, dos banheiros comuns, da estrutura das portas de madeira; conserto dos aparelhos de ar-condicionado e reparo das infiltrações no teto da delegacia.

Além de disponibilizar uma viatura, a Secretaria também deve viabilizar estrutura adequada para guarda e controle de armas e munições, além de bens e substâncias entorpecentes apreendidos.

O prazo para informar sobre o eventual acatamento da Recomendação é de 15 dias. A resposta deve ser enviada, por email, à Promotoria de Justiça de Cedral.

O descumprimento das medidas levará à tomada de medidas judiciais cabíveis pelo MPMA.

 

O procurador eleitoral Raimundo Leite Filho impugnou hoje (28) o registro de candidatura de Padre William, candidato a prefeito de Alcântara pelo PL.

De acordo com o Ministério Público Eleitoral (MPE), William teve contas relativas a sua gestão como prefeito de Guimarães julgadas irregulares pelo Tribunal de Contas da União (TCU), em decisão com trânsito em julgado no dia 24 de julho de 2020.

O pretenso candidato foi condenado “em razão de não comprovação da execução do objeto do Convênio 419/2007 (Siafi 611045) , tendo por objeto ‘Promover o Festival de Cultura do Município de Guimarães’”, e acabou sendo obrigado a devolver mais de R$ 130 mil aos cofres públicos.

A decisão foi destacada pelo procurador eleitoral em sua ação (leia aqui a íntegra).

Via Neto Ferreira


O candidato a prefeito de Guimarães e ex-gestor, Artur Farias, se manifestou sobre a matéria intitulada “Ex-prefeito de Guimarães registra candidatura com documentos do filho” veiculado o Blog no dia 27.


De acordo com a nota enviada pela assessoria de Farias, houve um equívoco no momento do envio dos documentos.

Ainda segundo as informações, os arquivos errados foram encaminhados por Magno Rafael Pereira, contador da Coligação “Guimarães em Boas Mãos”. Logo depois, Magno enviou outro email corrigindo a ação. Ele afirmou que por conta da similaridade dos nomes de Artur Farias e seu filho, também Artur Farias, houve uma troca de certidões no momento do registro.

A assessoria do candidato Artur Farias informou também que assim que o equívoco foi constatado, imediatamente todas as medidas para a retificação dos dados foram tomadas.

Veja abaixo:


segunda-feira, 28 de setembro de 2020

A MINERAÇÃO AURIZONA divulgou no inicio da tarde desta segunda feira (28) a relação dos 92 jovens classificados após processo seletivo para segunda etapa do Programa Jovem Aprendiz 2020. O Programa recebeu 195 inscritos. A MASA informou ainda que o RH e a Responsabilidade Social entrarão em contato com os classificados para agendamento do dia, horário e local da dinâmica de grupo. 

Confira a relação dos classificados:








Na tarde deste domingo (27), um homem foi morto a tiros na Avenida Litorânea, em São Luís. De acordo com informações da Polícia Militar, o rapaz é suspeito de integrar uma organização criminosa.

Uma equipe da polícia estava próximo ao local onde ocorreu o crime e efetuou a prisão em flagrante dos suspeitos de cometer homicídio.


O homicídio ocorreu próximo ao parquinho da Litorânea e o trânsito no local ficou lento.




O prefeito Sissi Viana finalizou sua pré campanha rumo a reeleição a prefeitura de Godofredo Viana, com duas megas reuniões no final de semana em sua residência, tomando todas medidas preventivas do novo coronavirus, Sissi Viana sentiu a calorosa recepção dos jovens e das mulheres guerreiras de Godofredo Viana.

Em seu discurso falou da emoção e do carinho que tem recebido dos godofredenses, fruto de um trabalho sério e transparente.



Quero agradecer a confiança, o reconhecimento do nosso trabalho, agradecer as pessoas que acreditaram no meu trabalho, agradecer ainda a minha equipe, a minha família, os amigos enfim, a todos que me apoiaram, isso me enche de orgulho, mas também me enche de responsabilidade para que eu possa continuar trabalhando, me esforçando e dando o melhor que há em mim para continuar trabalhando pela nossa gente, finalizamos a nossa pré campanha e agora vai começar o jogo de verdade e sei que com ajuda do meu grandioso Deus e de cada um de vocês sairemos vitoriosos nas urnas no dia 15 de novembro; finalizou Sissi.










O sorteio do concurso 2041 da Lotofácil ocorreu na última sexta-feira (25), no Espaço Loterias Caixa, em São Paulo. Nesse concurso, quatro apostas acertaram 15 números e uma delas foi realizada no Maranhão.

Trata-se de uma aposta feita na Lotérica Boa Sorte em Centro do Guilherme, interior do Maranhão. O apostador acertou 15 dezenas no concurso e faturou o prêmio de R$ 319.676,47 . Além dele, mais três apostadores de outros estados ganharam o mesmo valor. Confira os números sorteados: 

01 02 04 07 09
11 13 14 16 17
19 22 23 24 25

Lembrando que a Lotofácil premia também apostas entre 11 e 14 acertos. O valor acumulado para o concurso 2050 é de R$ 206.242,89. 
domingo, 27 de setembro de 2020


Um incêndio atingiu uma das pontes de embarque do Aeroporto Internacional Marechal Hugo da Cunha Machado, na tarde deste sábado (26), em São Luís. De acordo com a Infraero, não houve feridos.

Em vídeos, que circularam nas redes sociais, mostram um caminhão de combate à incêndio da Infraero tentando controlar as chamas no local. Em um outro momento, é possível visualizar um avião da Gol próximo às chamas.

A Infraero informou que o fogo foi controlado rapidamente pelos bombeiros do aeroporto. A ponte de embarque deve passar por uma perícia para apurar as causas do incêndio. Por conta do incidente, o aeroporto teve as operações suspensas entre as 17h e 17h08.

Por meio de uma rede social, o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), lamentou o ocorrido e afirmou que vai colocar o estado a disposição para ajudar na recuperação do aeroporto, já que se trata de um equipamento sob jurisdição federal.

G1MA
sábado, 26 de setembro de 2020


Pelo menos quatro candidatos já registraram oficialmente sua candidatura para concorrer a cadeira no executivo municipal, de acordo com o sistema do TSE (divulgacandcontas). Este ano nenhuma mulher irá concorrer o pleito.

Dois novos nomes surgiram no cenário politico candidomendense: WanderLey Braz atual vereador e que hoje disputará as eleições municipais pelo PSD, além dele aparece Cristóvão Leite que detém apoio do ex-prefeito Mazinho Leite, que até pouco tempo estava no comando do município. 

Em uma rápida análise de cenário, Facinho Rocha e o atual prefeito Jofran Braga devem brigar voto a voto, mais não se enganem se Cristovão Leite despontar no final assim como em 2012, quando o ex-prefeito Mazinho Leite arrancou do quarto lugar ao topo e venceu as eleições municipais daquele ano por uma diferença de 12 votos. 

Apesar dos ânimos aflorados em todos os grupos, a Justiça Eleitoral neste ano promete brecar tentativas de abuso de poder por parte de quaisquer candidatos e adotar uma fiscalização rigorosa no que diz respeito ao cumprimento das leis. Faltam aproximadamente 50 dias para as eleições municipais de 2020.
Cristovão Leite

Facinho Rocha

Jofran Braga

Wanderley Braz

Procurada pela equipe do Blog do Neto Weba, a assessoria da candidata a reeleição confirmou que “a equipe técnica da campanha havia detectado um problema na transmissão de dados".


Duas das 3 chapas já estão protocoladas para disputar a prefeitura de Amapá do Maranhão (Foto:Reprodução)


Amapá do Maranhão - Faltando apenas um dia para o final do prazo de registros de candidaturas junto ao Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA), entre os candidatos a prefeito de Amapá do Maranhão, apenas Tate do Ademar a atual prefeita e pré candidata a reeleição pelo PL ainda não teve sua candidatura protocolada, segundo a plataforma Divulgação de Candidaturas e Contas Eleitorais – Divulgacand.

Das três apenas duas chapas oficializadas em convenções partidárias já estão protocoladas no TRE. Todos ainda aguardam julgamento das candidaturas. ALINE LEONIDAS SOUSA LACERDA (AVANTE) e JOSE PEREIRA DA SILVA SOBRINHO (PSD) já tiveram seus registros feitos segundo a plataforma de Divulgação o Divulgacand..

De acordo com a assessoria de Tate do Ademar, os pedidos de registro de candidatura da chapa do PL serão reenviados até o prazo final estipulado pela Justiça Eleitoral. Ou seja, até este sábado (26).




sexta-feira, 25 de setembro de 2020



Centenas de jovens carutaperenses participaram de uma grande reunião com o vereador e pré-candidato Renatinho (PL), onde foram debatidos vários assuntos ligados à juventude, como possibilidade de geração de emprego e renda, maiores oportunidade para jovens do município, além de investimentos na educação, esporte e lazer, entre outras coisas.

Renatinho não escondeu a felicidade de está reunido com a juventude e disse sentir uma energia positiva " Mais uma vez sentir uma energia tão positiva e agradável por saber que o nosso grupo está cada dia mais fortalecido. Reunidos com a Juventude nesta noite, acompanhado do pré candidato a reeleição André Dourado (Prefeito) e os demais pré candidatos a vereadores do PL e Avante, tivemos um grande encontro com os jovens de Carutapera, bate papo importante onde ouvimos aqueles que são o futuro do nosso município. Destacou Renatinho.

Com uma base solida e com várias adesões Renato Filho o Renatinho segue firme para sua reeleição.




Quatro municípios no Maranhão possuem mais eleitores do que o número de habitantes . O levantamento foi divulgado nesta sexta feira,25, pelo G1 MA com base em informações do Tribunal Superior Eleitoral -TSE e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas - IBGE.

Junco do Maranhão, Porto Rico do Maranhão, Afonso Cunha e São Raimundo do Doca Bezerra possuem cada, uma equivalência de eleitores aptos a votar superior a 105% . Os quatro municípios tem menos de 10 Mil habitantes.

A cidade de Porto Rico do Maranhão, entre as quatro, que tem  a maior diferença entre número de eleitores com o da população. Segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a cidade possui um excesso de 1.077 a mais do número de habitantes, que chega a quase seis mil, o que representa uma diferença de 117,08%.

Já com a menor diferença, está o município de Afonso Cunha. A cidade têm uma população de 6.578 habitantes, possuindo 6.805 eleitores cadastrados e 5.701 pelo sistema de biometria . Com isso a diferença chega a 227 eleitores.


A avaliação irá acontecer entre os dias 25 e 30 de setembro




Durante a live sobre as ações do Governo do Maranhão diante a Covid 19 desta sexta-feira (25), o governador Flávio Dino falou sobre a situação do estado diante os mais de 170 mil contaminados pela doença, além das estratégias que o governo pretende tomar.

Também foi anunciado que haverá uma nova consulta à comunidade escolar, com a intenção de analisar novamente a possibilidade da volta às aulas da rede pública estadual de ensino. A avaliação irá acontecer entre os dias 25 e 30 de setembro.

Alunos, familiares e professores poderão participar da entrevista e deverão acessar o link no site www.educacao.ma.gov.br, até as 23h59 do dia 30/09.

De acordo com a consulta realizada no início de setembro, 50% dos que participaram da entrevista responderam de maneira negativa quanto ao retorno das aulas presenciais.

clique no link abaixo e responda a pesquisa



Após uma onda de violência que tomou de conta da capital do Maranhão, São Luís, o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), afirmou em seu Twitter que a polícia civil está investigando uma ameaça de morte que ele teria sofrido por conta da não nomeação de novos policiais.

Devido a guerra de facções que teria resultado mais de 10 mortes em menos de 12 horas em São Luís, Flávio Dino teria sido pressionado a dar alguma declaração a respeito da onda de violência que estaria assuntando a população do estado.

Grande parte das cobranças em cima do governador, seria dos excedentes dos últimos concurso públicos da Policia Militar do Maranhão. Onde vários homens e mulheres afirmam que foram formados, nomeados e depois foram exonerados de seus postos na PM em uma possível manobra política do governador em 2018.

Enquanto o déficit da Policia Militar só aumenta, existem mais de 1.800 pessoas aguardando serem chamadas para prestarem as forças policiais do Estado.

Em sua justificativa, Flávio Dino afirma que não pode chamar essas pessoas devido à recente Lei Complementar 173, que limita gastos com pessoal e com reposições de recursos humano, segundo ele são dois paramentos federais nos qual o impede de fazer as nomeações.

“A cada nomeação de cadastro de reserva da PM recebo centenas de xingamentos e agressões. Agora, até ameaça de morte recebi, que está sendo investigada pela Polícia. Se não cumprem leis e preceitos éticos quando nem são policiais, o que farão com uma arma na mão?”, questionou Flávio Dino.

Enquanto o impasse com as nomeações continua, facções rivais entram em um verdadeiro campo de guerra, deixando um rastro de violência e choro por onde passam nas ruas de São Luís.
 Foto: Reprodução. Bombeiros vistoriam carro da vítima.

A cidade de São Luís vive uma onda alarmante de violência, nas últimas vinte e quatro horas foram registrado assaltos a ônibus, lojas e troca de tiros entre bandidos e policias com vítimas de ambas as partes. Durante a manhã desta sexta-feira (25), duas mortes foram registradas no Centro da Cidade.

Segundo informações briga entre facções estaria causando toda essa “trágica” situação e ao que parece a polícia não consegue responder a essa onda de barbárie.

O fato é que o cidadão que precisa sair de casa para trabalhar honestamente está no meio desse conflito e acaba sofrendo as consequências.

Espera-se que as autoridades de segurança do Maranhão possam dar uma resposta rápida a esse caos.

De acordo com informações de ontem até hoje já foram mais de treze mortes; uma delas ocorreu, hoje, em frente ao quartel do Corpo de Bombeiros, no Centro, um homem, não identificado até o momento, que dirigia um corsa sedan branco levou vários tiros e acabou morrendo no local.

Um homem foi executado a tiros em frente ao batalhão do Corpo de Bombeiros, no Parque do Bom Menino, em São Luís.

Segundo informações preliminares, a vítima estava em um veículo Corsa clássico quando foi alvejado pelas balas.

Até o momento, não há informações sobre o autor do crime.

Equipes das Policias Militar e Civil, IML e Icrim já estão no local para periciar e colher informações sobre o caso.


Na noite dessa quinta-feira (24), um policial militar, identificado como Ricardo Sousa Pinheiro, foi assassinado a tiros durante uma tentativa de assalto, em São Luís. O crime aconteceu por volta das 19h, na Rua 39, no bairro Ipem São Cristóvão.

O cabo Pinheiro, que ingressou na Polícia Militar em 2016, trabalhava no município de Pedro do Rosário.

Segundo as informações preliminares, o PM estava chegando na residência da mãe dele em um carro Corsa Classic, quando foi abordado por criminosos, que estavam em um Celta vermelho.


Eles anunciaram o assalto, e o cabo Pinheiro reagiu, matando um dos suspeitos, identificado como Wilker Xavier Silva.

Durante uma troca de tiros, o PM acabou sendo baleado também. O policial militar foi atingido por dois tiros na região do tórax. Ele chegou a ser socorrido e levado ao Hospital de Urgência e Emergência Dr. Clementino Moura (Socorrão II), na região do bairro Cidade Operária em São Luís, mas não resistiu aos ferimentos e foi a óbito.

Já o corpo de Wilker Xavier, que era morador do bairro Cidade Olímpica, em São Luís, ficou no local. Segundo testemunhas, antes dos comparsas de Wilker fugirem, levaram a arma que estava em posse dele.

A polícia ainda está à procura dos outros suspeitos de envolvimento no crime.


A maranhense Karol Sousa lança o seu primeiro single “Dependente” nessa sexta-feira (25), em todas as plataformas digitais. Com o propósito de falar da palavra de Deus em forma de louvor, a música ''dependente" é uma oração na qual declara o quanto o ser humano é frágil.

Nascida na cidade de Godofredo Viana - MA, Karol Sousa canta desde os 3 anos de idade,

Sua trajetória é marcada por milagres, foi curada de um distúrbio chamado dislalia, aos 24 anos, ela teve nódulos e fendas vocais, isso mecheu muito com a cantora e dai surgiu a música Dependente.

A canção Dependente interpretada por Karol Sousa é de sua própria autoria, foi gravada em Trindade GO, no Studio Acorde Music com os arranjos do produtor Robson Garros, produzida pela RG Music.

"Fé em Deus, perseverança e resiliência me fizeram chegar até aqui, 'Deus não é homem para que minta, nem filho de homem para que se arrependa. Acaso ele fala e deixa de agir? Acaso promete e deixa de cumprir? (Números 23:19)" Disse a cantora.

single “Dependente” estará disponível as 18 horas no Youtube.


Redes Sociais Karol Sousa

YouTube: http://www.youtube.com/c/KarolSousa

Instagram: https://instagram.com/cantorakarolsousa?igshid=g9eys8l4luow

quinta-feira, 24 de setembro de 2020

 


A ex-prefeita do município de Bom Jardim (2013-2015), Lidiane Leite da Silva, a prefeita ostentação, foi condenada pelo TCE-MA, em dois processos por convênios considerados irregulares, a devolver aos cofres públicos a quantia de R$ 1.066.024,79 e a pagar multas no valor de R$106.602,47.

O conselheiro-substituto, Melquizedeque Nava, acatou parecer do Ministério Público de Contas no processo 1760/2018, pelo julgamento irregular das contas do Convênio nº19/2013, feito com a Secretaria de Cidades e Desenvolvimento Urbano – Secid, em que não houve prestação de contas dos recursos recebidos pelo município. Nesse processo, a ex-prefeita foi condenada ao pagamento de R$ 601.522,65, com os devidos acréscimos legais, além da aplicação de multa de R$ 60.152,26.

Malrinete dos Santos Matos, que assumiu definitivamente a prefeitura em setembro de 2015, foi condenada a pagar uma multa de R$ 5.000,00 (cinco mil reais), por não haver recomendado ao órgão competente a instauração de tomada de contas especial.

No processo nº 1790/2018, o conselheiro-substituto Melquizedeque Nava também acatou parecer do Ministério Público de Contas, condenando Lidiane Leite da Silva ao pagamento de R$ 464.502,14, com os devidos acréscimos legais, por conta do município de Bom Jardim não ter prestado contas da primeira parcela do Convênio nº 253/2013, também com a Secid. Foi aplicada ainda à Lidiane Silva a multa de R$ 46.450,21.

Também neste processo Malrinete dos Santos Matos, prefeita de Bom Jardim a partir de 09/2015, foi condenada ao pagamento de multa de R$ 5.000,00, pelo mesmo motivo do processo anterior.

Prefeita ostentação – Lidiane Silva ficou conhecida nacional e internacionalmente como prefeita ostentação por exibir sem qualquer preocupação fotos de luxo nas redes sociais e por ser acusada de desvio da verba da merenda escolar. A prefeita chamou atenção com a rotina de viagens, festas, roupas caras, veículos e passeios de luxo, incompatível com o salário de pouco mais de R$ 12 mil que recebia como prefeita de Bom Jardim. Em um dos seus posts mais polêmicos, ela afirmava: “Devia era comprar um carro mais luxuoso pq graças a Deus o dinheiro ta sobrando (sic)”.

Em agosto de 2014, Lidiane tornou-se alvo da Operação Éden da Polícia Federal do Maranhão. A gestora foi acusada de desviar recursos do Fundeb, do PNAE (Programa Nacional de Alimentação Escolar), da reforma das escolas e das refeições destinadas aos estudantes. Após onze dias presa, Lidiane Leite conseguiu obter na justiça a revogação de sua prisão. Porém, foi decidido que passaria a usar uma tornozeleira.

Em 09 de agosto de 2016, Lidiane foi reempossada como prefeita de Bom Jardim. A volta se devia ao fato da Câmara Municipal de Bom Jardim ter revogado um decreto que havia decidido pela perda do mandato de Lidiane. Em 11 de agosto de 2016, Lidiane é novamente afastada (pela quinta vez), a pedido do promotor Fábio Santos de Oliveira, titular do município, e acatado pela juíza Leoneide Delfina Barros, da 2º Comarca de Zé Doca.

Em novembro de 2019, Lidiane foi condenada a seis anos e quatro meses de prisão em regime semiaberto por desvio de R$ 3,5 milhões em contratos superfaturados para execução de obras de infraestrutura em estradas vicinais na zona rural do município. De acordo com o Ministério Público do Maranhão, os serviços foram contratados por licitação fraudulenta.