quinta-feira, 10 de setembro de 2020

Eduardo Viégas, dono da Pizzaria Tio Tomate.
O empresário Eduardo Viégas, dono da Pizzaria Tio Tomate, deu um soco no veterinário Daniel Leite antes de ser assassinado na Prontoclínica Veterinária, no Monte Castelo, na noite de quarta-feira (9).

Segundo o delegado da Superintendência de Homicídios, George Marques, o crime foi motivado por uma discussão a respeito do valor cobrado por serviços veterinários.

De acordo com Marques, a briga foi resolvida, mas uma nova confusão iniciou quando Eduardo Viégas pediu a nota fiscal, o veterinário disse que só entregaria nesta quinta-feira.

O empresário não concordou e passou a filmar o médico veterinário com seu celular.

Então, Leite tentou tomar o aparelho e levou um soco. Ele, então, sacou uma pistola e fez os disparos, acertando a maioria na cabeça.

A companheira do empresário Eduardo Viégas, dono da Pizzaria Tio Tomate, também foi baleada. Ela sofreu ferimentos leves e foi encaminhada a um hospital.

0 comentários:

Postar um comentário