sexta-feira, 24 de abril de 2020

Durante coletiva de imprensa, nesta sexta-feira (24), o ex-ministro fez um histórico de sua passagem pelo ministério




Sergio Moro confirmou, na manhã desta sexta-feira (24), sua saída do Ministério da Justiça e Segurança Pública, durante coletiva de imprensa, realizada em Brasília (DF). A decisão de deixar o cargo tem a ver com a exenoração de Maurício Valeixo do cargo de diretor-geral da Polícia Federal (PF), assinada nesta sexta, pelo presidente da República Jair Bolsonaro.

Nesta quinta-feira (23), a notícia de que de Moro sairia do ministério já havia sido ‘ventilada’, mas não confirmada. [ VEJA AQUI ]

*Mais informações em instantes

0 comentários:

Postar um comentário