quarta-feira, 19 de agosto de 2020
O prefeito de Cândido Mendes,Mazinho Leite, preso nesta manhã  pelo Grupo Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco) em parceria com a Policia Civil [ VEJA AQUI ] e [ Aqui] , na Operação Cabanos, foi transferido agora pouco para a capital maranhense. O prefeito foi preso em flagrante por posse ilegal de armas. Na casa do gestor também foram encontrados mais de R$ 400 mil em espécie. Mazinho Leite foi conduzido para a cidade de Godofredo Viana, onde foi autuado por porte ilegal de arma de fogo.


Na operação os promotores cumpriam mandados de busca e apreensão na sede da Prefeitura de Cândido Mendes, na residência de Mazinho Leite e em endereços de outros investigados, localizados nos municípios de São Luís, Cândido Mendes e Bom Jardim. Os mandados foram solicitados pelo Ministério Público do Maranhão e expedidos pela Justiça de Cândido Mendes.

0 comentários:

Postar um comentário