sexta-feira, 24 de julho de 2020
MA 206 - Foto Neto Weba 


Com a assinatura de ordem de serviço ocorrido em outubro de 2019 para a recuperação das rodovias estaduais maranhense, as MAs 101 e 206, importantes rodovias da região do Gurupi ,os trabalhos por lá são lentos, e caminham a passos de caramujos. 

A ordem de serviço foi assinada pelo vice-governador Carlos Brandão e pelo secretário de estado de Infraestutura, Clayton Noleto . E custarão cerca de R$ 18 milhões de reais obtidos pelo governo do estado junto ao Banco do Brasil.

Na época Carlos Brandão e o secretário Clayton Noleto assinalaram ainda que as obras seriam concluídas dentro do prazo de 90 dias,oque não aconteceu, e agendaram uma visita técnica na região na fase inicial dos trabalhos [também não aconteceu]. A obra está parada e demonstra o descaso com a população da região Oeste do Estado,aonde concentra-se as cidades de Amapá do Maranhão,Carutapera,Cândido Mendes,Godofredo Viana e Luis Domingues. 

VEJA TAMBÉM




MA 206 - Foto Neto Weba 

As duas rodovias estaduais, servem de acesso a uma das regiões que possui o maior escoamento do pescado e encontra-se abandonada. Vergonha! Cerca de Desse total, em três meses, apenas 25 km foram recuperados com remendos superficiais e profundos (tapa-buraco), além da roçada de 60 km do trecho.

Na rodovia MA-206, da foto que ilustra esta matéria, mostra as péssimas condições da rodovia que dificulta a trafegabilidade e traz prejuízos a motoristas e passageiros e encarece ainda mais a passagem. Sem maquinário trabalhando nas duas rodovias a pergunta a se fazer é.. até quando nós pagaremos o pato,nessa recuperação que perdura por quase nove meses a passos de caramujo? 

0 comentários:

Postar um comentário