sexta-feira, 22 de novembro de 2019


Em sessão ordinária desta sexta-feira (22), apenas com votos dos vereadores da base do governo, a Câmara Municipal de Santa Helena, aprovou o projeto de Nº 012/2019 de autoria do executivo municipal que cria 191 vagas em diversos setores para serem preenchidas através de concurso público.
O concurso público para preenchimento de vagas nos quadros do município era uma reivindicação antiga da população helenense e principalmente dos jovens que estão preparados para o mercado de trabalho.

Para a surpresa e decepção da população helenense, vereadores que fazem oposição a gestão do prefeito Zezildo Almeida e sonham com o retorno do Ex-prefeito Lobato ao comando do município resolveram dar um tapa na cara da sociedade.

Os vereadores Leonardo Lobato(PTB) e Zeca de São Pedro (PPS) não comparecem a sessão, o vereador Mourinho Lobato (PSDB) que se fez presente, se ausentou do plenário no momento da votação. A maior aberração ficou por conta do vereador Marcio 10 (PCdoB) que permaneceu na casa e votou contra a realização do Concurso Público Municipal de Santa Helena. 
Os vereadores Leonardo Lobato (PTB), Zeca de São Pedro (PPS), Mourinho Lobato (PSDB) e Marcio 10 (PCdoB) são contrários a realização do concurso

O vereador Leonardo já teria se posicionado contra a criação de vagas e realização do concurso, afirmando que ingressará na justiça questionando a criação de vagas e realização do concurso.

Votaram pela aprovação do projeto do executivo para realização do Concurso Público de Santa Helena para preenchimentos de vagas os seguintes vereadores: Marcello Marques (DEM), Jorge Malhadeira (PTB), Neto Torres (PSDB), Benayas Ferreira (PCdoB) e Valdir do Magazine (PMDB).

Marcello Marques (DEM), Jorge Malhadeira (PTB), Neto Torres (PSDB), Benayas Ferreira (PCdoB) e Valdir do Magazine (PMDB).

Via Vandoval

0 comentários:

Postar um comentário

Facebook

Rádio do seu Coração