segunda-feira, 5 de agosto de 2019



A Cervejaria Ambev fechou acordo, nesta quinta-feira (1º) com a Secretaria da Agricultura Familiar (SAF) para aquisição de mandioca produzida pelos agricultores familiares dos 30 municípios do Plano Mais IDH para fabricação da cerveja Magnífica. Atualmente, apenas quatro fornecem a matéria prima: Araioses, Água Doce, Milagres e Santana.

A cervejaria também anunciou a criação de um projeto de pesquisa visando à melhoria da produtividade da mandioca envolvendo Secretaria De Estado Da Agricultura Familiar (SAF), Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural do Maranhão (Agerp), Instituto de Colonização e Terras do Maranhão (Iterma) e Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

O secretário de Estado da Agricultura Familiar, Júlio César Mendonça, enfatizou a importância da parceria com a Ambev. “O Sistema SAF trabalha hoje com nove cadeias produtivas e a mandioca é uma delas. É importante nivelarmos as ações junto com a Ambev e movimentos sociais para que possamos planejar a cadeia no ponto de vista de pesquisa e criar pólos de produção”, disse Júlio César.

A inclusão dos 30 municípios do Plano Mais IDH na fabricação da cerveja gera, sem dúvidas, emprego, renda e dignidade aos pequenos agricultores familiares, valorizando a mão de obra do trabalhador rural como fornecedor de um produto de qualidade como a Magnífica”, destacou o secretário.

Durante a conversa, a equipe da Ambev apresentou informações e dados do processo de fabricação da Magnífica, desde a compra da mandioca dos agricultores à criação do conceito da marca que busca valorizar a identidade do Maranhão.

Roberto Mattos, diretor Comercial da Ambev, ressaltou que a cervejaria busca colaborar ao máximo com os agricultores de pequeno porte fornecedores de mandioca.

“Estamos há pouco mais de seis meses com esse projeto da Magnífica, que é a cerveja nascida e criada no Maranhão, e nosso ingrediente principal é a mandioca. Então, nada melhor do que estar dialogando com a SAF e a Agerp para entender esse contato com os nossos agricultores e de que maneira podemos ajudar no desenvolvimento da economia do nosso estado por meio da produção advinda da agricultura familiar”, ressaltou Mattos.

Segundo o coordenador do MST-MA, Elias Araújo, “o projeto da Magnífica ajuda a estruturar a cadeia produtiva da mandioca no Maranhão. O projeto proposto pelo Sistema SAF não é só pegar a mandioca produzida nos assentamentos e municípios do Mais IDH, mas transformar de fato a cadeia da mandioca e melhorar a produtividade e a vida dos agricultores”.

A parceria com a Ambev é fruto da articulação com o Governo do Estado, por meio da SAF, Agerp, Secretaria de Estado da Indústria, Comércio e Energia (Seinc), Secretaria da Fazenda de Estado do Maranhão (Sefaz) e Secretaria de Agricultura Pecuária e Pesca (Sagrima).

0 comentários:

Postar um comentário

Facebook

Rádio do seu Coração