terça-feira, 27 de agosto de 2019


O descaso no município de Carutapera atingiu todos os limites toleráveis e aceitáveis, a cidade que está abandonada, suja, esburacada e sem segurança, agora nem ambulância com condições para socorrer os doentes, o município tem. O fato lamentável, e que quase tinha um final trágico, aconteceu ontem (26/08) a noite no bairro de Santa Rita, em Carutapera, quando um cidadão conhecido por Olímpio, pai de família, homem de bem e muito trabalhador, se envolveu em um acidente de moto, onde ficou gravemente ferido, sendo levado para o Hospital Regional de Carutapera, que já está quase municipalizado, pois o município manda e desmanda lá, onde até a diretora geral foi indicada pelo prefeito André e seu grupo, lá chegando este foi despachado pelos médicos de plantão, que alegaram a falta de estrutura do hospital para realizarem os procedimentos necessários para garantir ou pelo menos, amenizarem o sofrimento da vítima. E o pior estava por vir, o hospital encontra-se há um bom tempo sem ambulância, e o município só tinha uma ambulância “disponível”, no povoado de Livramento, que só veio para realizar a transferência para São Luís, após a família do acidentado garantir e realizar o abastecimento da referida ambulância, senão esta não seguiria viagem. Um verdadeiro absurdo, um descaso com a saúde pública. 

No mais este é o jeito PL de governar.

Vejam abaixo uma mensagem compartilhada em grupos de WhatsApp por uma amiga e parente do paciente, completamente indignada com a falta de respeito do poder público com o ser humano no município de Carutapera.


Venho aqui me pronunciar sobre um acidente que ocorreu na nossa cidade tendo 5 jovens envolvidos, 

Um rapaz conhecido por Olímpio ficou gravemente ferido, chegando ao hospital foi despachado pelos médicos de plantão pois alegaram que o hospital não tinha estrutura para realizar o atendimento preciso. (Cirurgia de emergência) 

O que me deixar triste essa situação é que o hospital vive uma reforma que não tem fim e não melhora em nada, pois nem ambulância tinha no momento. A família foi então buscar ajuda das autoridades de nossa cidade para que o jovem fosse transferido para a Capital, os mesmos disseram que não podiam fazer nada. 

Aí me pergunto para que serve esses gestores e secretários? 

Aí vem um e diz 

O HOSPITAL É DO ESTADO .

Eu pergunto novamente. 

Não foram eleitos deputados? 

O problema é que na nossa cidade o jogo político está acima de tudo…E a população que se ferre. 

Um desrespeito com a vida, um rapaz que dar entrada no hospital às 20 horas. gravemente ferido só e transferido às 3:30hrs, isso porque a família teve que ir no Livramento atrás de ambulância e bancar o abastecimento do transporte. 

É uma palhaçada mesmo, gestores do estado e do município estão de parabéns…

Do Celso Almeida

0 comentários:

Postar um comentário

Facebook

Rádio do seu Coração