terça-feira, 26 de março de 2019

Determinação vale para cargos efetivos, comissionados e prestação de serviços da Assembleia Legislativa do Maranhão.





A Assembleia Legislativa do Maranhão (Alema) emitiu uma resolução que proíbe, no âmbito da Alema, a nomeação de pessoa condenada por violência doméstica e familiar contra a mulher.




A determinação passou a valer no dia 21 de março e vale para nomeações em cargos efetivos ou comissionados, assim como a prestação de serviços, nos termos da Lei Federal nº 11.340, de 7 de agosto de 2006. 

A lei trata de mecanismos para coibir a violência doméstica e familiar contra a mulher. 

(G1)

0 comentários:

Postar um comentário

Facebook

Rádio do seu Coração