sábado, 26 de março de 2022

Maranhão apresenta aumento no número de casos de tuberculose

Um balanço divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde aponta que entre 2020 e 2021, o Maranhão apresentou um aumento de casos notificados de tuberculose, com 2.608 e 3.046 casos, respectivamente. No total, em dois anos, foram 5.654 casos da doença. O número representa um média de 250 caso por mês.

A coordenação do Programa Estadual de Controle da Tuberculose acredita que o aumento se deve a uma maior procura da população com sintomas gripais suspeitos de Covid-19 às unidades de saúde.

Entre os grupos de risco mais afetados pela tuberculose no Maranhão, está a população vivendo com HIV (8%), seguida dos privados de liberdade (6,8%), em situação de rua (1,5%) e os indígenas (1,1%).

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), a doença acomete por ano 70 milhões de pessoas no mundo e causa a morte de cerca de 1 milhão de pessoas.

No Brasil, são cerca de 70 mil pessoas acometidas por ano, e 4 a 5 mil pessoas morrem por conta da doença, que afeta os pulmões e pode até atingir outros órgãos.

Entre os sintomas da tuberculose estão: tosse, febre, dor no peito, suor noturno, dor no peito e perda de peso. Apesar da tuberculose ser uma doença de alta transmissibilidade, tem tratamento.


0 comentários:

Postar um comentário

Curta a Página do Blog do Neto Weba


NAVEGUE COM A MELHOR INTERNET

CUIDE DO SEU SORRISO

CUIDE DO SEU SORRISO