quinta-feira, 12 de agosto de 2021

ALÔ MP : digitalização e arquivamento de documentos custará R$ 1,4 milhão em Palmeirândia


Surreal…

Essa seria a palavra correta para denominar o processo licitatório de número 400/2021, por meio do qual a Prefeitura de Palmeirândia pretende gastar R$ 1,4 milhão com serviços de digitalização e arquivamento de documentos da Prefeitura Municipal.

Por conta do valor, os olhos começam a se voltar para a gestão municipal.

Aparentemente, a prefeitura está tentando se “modernizar”. Mas a modernização da administração não pode estar apartada da transparência, quesito em que Palmeirândia foi avaliada pelo TCE-MA com a baixíssima nota de 6,69 – ficando numa espécie de Série C.

Diante dessa informação, é importante que o MP e o TCE fiquem de olho na execução do contrato.

0 comentários:

Postar um comentário

CUIDE DO SEU SORRISO

CUIDE DO SEU SORRISO

Internet de Qualidade