sábado, 24 de julho de 2021

Secretaria de Meio Ambiente realiza operação para coibir pesca ilegal em Godofredo Viana

A Prefeitura de Godofredo Viana, através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente em parceria com a Policia Militar realizou, neste mês de julho, uma fiscalização ambiental que teve como principal objetivo atender a denúncia realizada por pescadores e moradores da comunidade do bairro de Fatima, sobre a utilização da pesca predatória do tipo rede apoitada nos canais dos rios, furos ou igarapés localizados em complexos estuarinos do município. A equipe de fiscalização contou ainda com a participação de pescadores, moradores locais e Colônia de Pescadores.
A Pratica da pesca com rede apoitada é considerada predatória, pois é utilizada nos canais dos rios fechando a “passagem” dos peixes, dessa forma captura qualquer espécie ou quantidades de pescado sem a devida seleção das espécies que estão se reproduzindo nos estuários. A grande quantidade de rede que atravessa os rios e igarapés, espanta o peixe, modifica o estoque do recurso pesqueiro não só para as atividades econômicas, como também para a subsistência da comunidade local. Os pescadores afirmam que apoitamento de rede ocorre tanto por pescadores da comunidade, quanto pelos barcos de fora que seriam dos municípios de Cândido Mendes, Carutapera, entre outros.
Durante a ação constatou-se que vários pescadores exclusivamente de outros municípios estavam utilizando a pratica nos canais dos rios pertencentes a Godofredo Viana. Alguns pescadores foram abordados, tiveram suas atividades suspensas e paralisadas, de imediato as redes foram removidas. Representantes do órgão ambiental abordaram em cima da conscientização ambiental, alertando sobre a aplicação de multas, crimes ambientais que podem ocorrer sobre possíveis novos flagrantes.
A SEMMA alerta que está proibido em águas godofredenses a pratica da pesca de rede apoitada e zangarias que não estiverem de acordo como a Instrução Normativa do IBAMA nº 39, de 02 de julho de 2004, que inclui o uso da rede de zangaria e suas limitações, considerando também a pescaria com rede apoitada, escorada, aprofundada ou ferroada, ou qualquer pratica prejudicial ao ecossistema marinho local. Alertando que os canais de rios pertencentes a Bacia hidrográfica do rio Maracaçumé e Tromai que drenam este município e estão situados dentro da APA-Área de proteção Ambiental das reentrâncias maranhenses deverão ser preservados e protegidos.

0 comentários:

Postar um comentário

CUIDE DO SEU SORRISO

CUIDE DO SEU SORRISO

Internet de Qualidade