domingo, 13 de junho de 2021

No Piauí, Nossa Senhora chora sangue e atrai fiéis para Mosteiro da Rosa Mística

O Mosteiro da Rosa Mística, localizado no bairro Nossa Senhora de Fátima, zona Leste de Teresina, divulgou, nesta ultima sexta-feira (11), em suas redes sociais, uma imagem de Nossa Senhora da Rosa Mística chorando sangue.

Segundo o Mosteiro Rosa Mística, não foi a primeira vez que a imagem derramou lágrimas. A imagem de Rosa Mística voltou a verter lágrimas de sangue na madrugada de Corpus Christi.

Nas redes sociais, o choro da santa provocou uma enxurrada de comentários dos internautas.


“Mãe, intercedei por todos nós. Intercede, Mãe, junto ao teu filho Jesus, por todos os irmãos doentes”, diz um internauta.

“Mãezinha tenha Misericórdia de seus filhos!! Peço a conversão daqueles que não crer!”, disse outro internauta.

As missas celebradas no Mosteiro Nossa Senhora Mística, onde vivem quatro monges, sob a orientação de Dom José Soares, estão sendo celebradas com aumento de fiéis, após o choro da santa.

Para o Mosteiro de Nossa Senhora Mística, lágrimas de sangue são uma espécie de alerta divino e chamado ao arrependimento.

As missas no mosteiro acontecem diariamente e são abertas ao público de segunda-feira a sábado, às 18h. Aos domingos são duas missas, às 10h e às 19h.

A imagem de Nossa Senhora Rosa Mística pertenceu a Dom Celso José Pinto da Silva, ex-arcebispo de Teresina, que morreu em 2018. Dom Celso Pinto foi um dos primeiros a presenciar o choro da santa.

Nossa Senhora Rosa Mística foi a aparição da Virgem Maria, relatada pela primeira vez, durante a Primavera de 1947 em uma cidade no interior da Itália.

Ela teria aparecido vestida de branco, primeiramente com três espadas cravadas no peito e depois com três rosas substituindo as espadas: uma rosa era branca, simbolizando a oração; outra rosa era vermelha, simbolizando o sacrifício.

Do Meio Norte

0 comentários:

Postar um comentário


NAVEGUE COM A MELHOR INTERNET

CUIDE DO SEU SORRISO

CUIDE DO SEU SORRISO