terça-feira, 13 de abril de 2021

Prefeitura de Mirador cancela compra de creme vaginal



A Prefeitura de Mirador, comandada por Domingas Cabral, cancelou a compra de 10 mil bisnagas de creme vaginal orçada em mais de R$ 100 mil após denúncia do Blog .

O anúncio foi assinado pela secretária de Administração e Finanças de Mirador, Josinete Rodrigues da Costa, e publicado no dia 8 de Abril no Diário Oficial dos Municípios do Maranhão.

No dia 12 de março, a gestão de Cabral celebrou um contrato de R$ 4,2 milhões com a empresa J.J. Gomes Mota Eireli, mais conhecida como Distribuidora Ceará, localizada em Alto Alegre do Maranhão e de propriedade de José Jocélio Gomes Mota, para obter o fornecimento de Medicamentos de Farmácia Básica, Material de Consumo Hospitalar, Medicamentos Hospitalar, Material de Consumo PSF e de Consumo Bucal.

Dentro desse acordo contratual havia a aquisições de itens com valores estratosféricos, como o creme vaginal na quantia de R$ 116 mil e agulhas e seringas orçadas em R$ 476 mil.

No final do mês passado, o Blog denunciou o gasto e trouxe à tona os detalhes.

O Ministério Público, por meio do promotor de Colinas, que responde pela Comarca de Mirador, Aarão Carlos Lima Castro, se manifestou sobre o caso e afirmou que será aberta uma Notícia de Fato para apurar as informações (relembre).

O Parquet quer saber quais fatores motivaram o Executivo Municipal a adquirir medicamentos e materiais em grande quantidade.

Via Neto Ferreira

0 comentários:

Postar um comentário

CUIDE DO SEU SORRISO

CUIDE DO SEU SORRISO

Internet de Qualidade