sexta-feira, 16 de abril de 2021

Crise | Exonerações, falta de diálogo, ruptura: escancaram racha na gestão do prefeito Facinho em Cândido Mendes


No dia 1º de janeiro de 2021, o prefeito de Cândido Mendes, Facinho Rocha (PL), e sua vice prefeita Alexssandra Viana (PSDB), estavam radiantes. Eram rasgados elogios para os dois lados. Depois de oito anos, o município voltaria a ter  a união tanto do prefeito quanto do vice. Inquestionavelmente, um momento histórico. Mais  esse ambiente amistoso, cordial e de proximidade ficou para trás.

Nesta semana, explodiu uma crise de relacionamento entre o governo de Facinho e o PSDB- partido de Alê sua vice-prefeita e o vereador professor Jaelson. Incomodado com as cobranças , posturas agressivas do vereador e o pedido de afastamento do Prefeito Facinho_ em relação ao trabalho da Prefeitura - principalmente na pasta da infraestrutura e limpeza urbana -, Hoje cedo explodiu o estopim e não precisou o poder  Executivo anunciar o rompimento com a vice prefeita. Somente hoje,dia 16, foram cinco exonerações de indicações da vice e filiados do PSDB.

E pelo que parece foi só o começo das exonerações que soam como tom de resposta no cancelamento da vice prefeita Alexssandra Viana e aliados.

Vamos aguardar os próximos capítulos.


0 comentários:

Postar um comentário