domingo, 14 de março de 2021


Com a aprovação da PEC Emergencial na Câmara dos Deputados, a criação da Medida Provisória para liberar as novas parcelas do auxílio emergencial 2021 deve acontecer na próxima semana.

Durante transmissão em suas redes sociais, o presidente Jair Bolsonaro afirmou que planejava começar a pagar o auxílio emergencial ainda no mês de março, com parcelas que seguiriam até junho, mas, com a demora da promulgação da PEC Emergencial, o cronograma previsto deve ser adiado, começando o repasse a partir do mês de abril para os trabalhadores informais que não fazem parte do Bolsa Família.

Conforme o calendário de pagamento do programa que considera o final do Número de Identificação Social para dividir o grupo de beneficiários, quem tem direito ao Bolsa Família começará a receber a primeira parcela do auxílio emergencial 2021 a partir do dia 16 de abril.

Para a liberação do pagamento, o governo precisa elaborar uma Medida Provisória com o detalhamento do pagamento do auxílio emergencial 2021 e entregar ao Congresso Nacional.

0 comentários:

Postar um comentário