quarta-feira, 24 de março de 2021

Nunca foi uma ‘gripezinha’: Brasil passa 300 mil mortes por Covid-19



O Brasil ultrapassou 300 mil vidas perdidas para Covid-19, nesta quarta-feira, dia 24. São 300.015 óbitos, que colocam o país como o segundo no mundo em mortes pela doença.

A marca trágica foi comentada por políticos maranhenses nas redes sociais, entre eles, o governador Flávio Dino, uma das lideranças mais contundentes nas contestações e críticas ao governo Bolsonaro.

“300 mil mortes por causa do coronavírus. Minha solidariedade profunda com todas as famílias e amigos das vítimas. Sigo na luta para defender a população do Maranhão e para tentar ajudar o Brasil a sair dessa página de tristeza e escuridão. Tenhamos fé e esperança”, governador Flávio Dino.

“O Brasil chegou ao trágico patamar de 300 mil mortos numa velocidade alucinante. Muitas mortes poderiam ter sido evitadas com uma política nacional de prevenção. Solidariedade a todas as famílias que estão vivendo esse drama. E mais que nunca a vacinação em massa é urgente”, senador Weverton.

“300 mil vidas perdidas em razão da omissão criminosa de Bolsonaro, q deixou de cumprir suas obrigações. Não temos vacina, não temos leitos, não temos auxílio emergencial. Ingressamos com notícia crime no STF pela conduta q deu causa a essa tragédia humanitária. #Bolsonaro300Mil“, deputado Bira do Pindaré.

“Mais de 300 mil mortes pela covid. Bolsonaro genocida. Quantas vidas teriam sido salvas se as medidas tivessem sido adotadas ??? Milhares !! Quantas vidas ainda dá pra salvar se AGORA o Brasil tirar do comando o genocida ? Milhares !!! Bolsonaro criminoso!”, secretário Márcio Jerry.

0 comentários:

Postar um comentário

CUIDE DO SEU SORRISO

CUIDE DO SEU SORRISO

Internet de Qualidade