sábado, 20 de fevereiro de 2021


Um crime bárbaro de feminícidio e com requintes de crueldade chocou os moradores da cidade de Balsas, no Maranhão, na noite de sexta-feira (19).


A dona de casa Sandra Cristina de Souza, 57 anos, foi morta a facadas, pauladas e pedradas pelo próprio marido identificado como o fazendeiro Miguel Francisco de Oliveira que foi preso horas depois do crime.


O fato ocorreu depois de uma discussão no interior da residência onde o casal morava, em um bairro de classe média alta de Balsas. Durante a briga, Miguel armou-se com uma faça e desferiu um golpe que atingiu Sandra no olho .


Já ferida a vitima correu e caiu na porta da casa. Naquele momento o acusado que a perseguia com um pedaço de pau aplicou vários golpes na cabeça da vítima. Logo em seguida ele se armou com pedra e esfacelou o crânio da mulher.


O fazendeioro Miguel ainda conseguiu fugir do local. No entanto horas depois foi localizado e preso por uma guarnição da Força Tática da Polícia Militar do Estado do Maranhão.


O acusado foi encaminhado para a Delegacia Regional de Balsas onde foi autuado em flagrante. Este é o 7° caso de feminícidio registrado no Maranhão este ano. 

Com informações do Repórter Silvan Alves

0 comentários:

Postar um comentário