quarta-feira, 16 de setembro de 2020


Pré-candidato a prefeito de Alcântara pelo PL, Padre Wiiliam deve ter o projeto eleitoral barrado pela Justiça Eleitoral neste ano.

Ex-prefeito de Guimarães, ele figura na lista de fichas sujas do Tribunal de Contas da União (TCU) divulgada na segunda-feira, e deve ter o registro de candidatura indeferido.

Segundo dados da Corte de Contas, o liberal teve contas julgadas irregulares justamente referentes a sua passagem pela Prefeitura de Guimarães.

Ele foi condenado “em razão de não comprovação da execução do objeto do Convênio 419/2007 (Siafi 611045) , tendo por objeto ‘Promover o Festival de Cultura do Município de Guimarães'”, e acabou sendo obrigado a devolver mais de R$ 130 mil aos cofres públicos.


O processo transitou em julgado em julho de 2020. Como esse tipo de condenação gera inelegibilidade por oito anos, a partir do trânsito em julgado, na prática Padre William está fora de eleições até 2028.

A menos que consiga reverter a condenação em algum instância.

Gilberto Leda

0 comentários:

Postar um comentário