segunda-feira, 2 de março de 2020


Subiu para treze o número de mortos no naufrágio de um navio no Sul do Amapá, informou governo do Estado na noite de domingo (1°). Outras 46 pessoas foram resgatadas e as buscas seguem em andamento – a embarcação tinha de 60 a 70 pessoas.


Navio transportava entre 60 e 70 pessoas e não tem lista de passageiros (Foto Reprodução)


Inicialmente, o Corpo de Bombeiros havia informado que havia 16 desaparecidos. Mas, neste domingo, o comandante da corporação, coronel Janary Picanço, disse que não há um número oficial, pois a embarcação não tem uma lista de passageiros para orientar as buscas da corporação.


Dez corpos estão no município de Gurupá (PA) e aguardam o traslado para Macapá, onde passarão pelo processo de identificação. Entre as vítimas, duas já foram identificadas: Sudelma Araújo e Marlene Souza Alves.

“A gente está buscando agilizar a remoção dos corpos que foram encontrados para que a gente possa fazer necropsia , identificação e entrega desses corpos a família”, disse Picanço.

O naufrágio do Anna Karoline 33 ocorreu na madrugada de sábado (29), próximo à Ilha de Aruãs e à Reserva Extrativista Rio Cajari, no Rio Jari (veja no mapa abaixo). A região fica a 130 km de Macapá, em uma região de difícil acesso e comunicação – o chamado de socorro foi às 5h, e o helicóptero de resgate do governo do estado só chegou ao local por volta das 14h.

Estão no local 18 mergulhadores de resgate dos Bombeiros do Amapá e Pará, além de duas embarcações da Marinha do Brasil. A partir desta segunda (2), um helicóptero de grande porte vai auxiliar no translado. Além disso, onze militares da Marinha vão auxiliar no trabalho.

G1-Amapá

0 comentários:

Postar um comentário