segunda-feira, 27 de janeiro de 2020
O Poder Judiciário condenou a Equatorial Maranhão, antiga CEMAR, ao pagamento de indenização a uma consumidora residente na Comarca de Mirador, 489km da Capital. A concessionária de serviço público, demandada na ação, deverá pagar a quantia de R$ 2.500 pelos danos morais causados. 

A sentença foi assinada pelo juiz Nelson Dias Araújo, titular da unidade judicial. [ REVEJA AQUI ]

Em nota a Equatorial diz que já tomou ciência da decisão judicial e que está avaliando a possibilidade de interposição do eventual recurso.

CONFIRA A NOTA DE ESCLARECIMENTO

A Equatorial Maranhão esclarece que já tomou ciência da decisão judicial em questão e que está avaliando, nesse momento, a possibilidade de interposição de eventual recurso ou outra medida processual cabível.

A Companhia esclarece que o recurso às instâncias superiores da justiça é direito constitucionalmente assegurado a todo e qualquer cidadão, órgão público ou privado, e que adotará as medidas cabíveis para a proteção de seus direitos.

Assessoria de imprensa da Equatorial Maranhão

0 comentários:

Postar um comentário

Facebook

Rádio do seu Coração

Quer a melhor internet?

Quer a melhor internet?
Entre em contato agora mesmo.