sábado, 11 de janeiro de 2020


O presidente da Equatorial Energia (antiga Cemar) no Maranhão, Augusto Dantas, declarou no mês passado, durante audiência da Comissão de Desenvolvimento Urbano da Câmara dos Deputados realizada em São Luís, que é necessária a taxação da energia solar.

O assunto voltou à pauta nos últimos dias depois de o presidente Jair Bolsonaro anunciar um acordo com os presidentes da Câmara e do Senado, Rodrigo Maia (DEM-RJ) e Davi Alcolumbre (DEM-AP), para barrar a instituição da nova contribuição. 

Segundo o representante da Equatroial, contudo, a cobrança de taxa de energia solar é justificada pelo custo de manutenção da rede elétrica tradicional, que não é paga pelos consumidores desse tipo fonte de energia.

“Essa medida não é pra ter vantagem pra ninguém. Hoje o que acontece é que os clientes que possuem painéis solares não estão pagando pela manutenção da rede. Então o que está sendo estudado é a questão do subsídio para esses consumidores. A ideia é ratear esse custo. O sistema elétrico é um grande condomínio e ele precisa ser rateado pra todos que utilizam esse condomínio”, diz ele.

0 comentários:

Postar um comentário

Facebook

Rádio do seu Coração

Quer a melhor internet?

Quer a melhor internet?
Entre em contato agora mesmo.