sábado, 5 de outubro de 2019

Sessão do Juri Popular aconteceu nesta
quinta-feira (3) no Fórum de Santa Helena
A comarca de Santa Helena realizou, nesta quinta-feira (3), uma sessão do Tribunal do Júri na qual foi levado a julgamento Cleideildo Silva Lopes, que estava sendo acusado da prática de homicídio qualificado contra um homem, ocorrido no ano de 2015. O Conselho de Sentença reconheceu a materialidade do crime, porém acatou a tese da defesa sobre a ausência de provas suficientes para embasar uma condenação em relação ao acusado. Absolvido pela decisão dos jurados, o acusado foi beneficiado com o Alvará de Soltura.

A sessão do Tribunal do Juri foi presidida pela juíza titular de Santa Helena, Cynara Elisa Gama Freire, com a participação do promotor de Justiça Francisco Antonio Milhomem; e com os representantes da defesa do acusado, os advogados Henrique Pereira Filho e Janiel David Rocha.

Segundo a denúncia apresentada pelo Ministério Público Estadual, o inquérito policial apurou que o crime aconteceu em fevereiro de 2015, no bairro Ponta D´Areia, em Santa Helena, quando a vítima foi morta por arma de fogo.

Testemunhas afirmaram que se deslocavam para uma pescaria, na quarta-feira de cinzas, quando avistaram uma pessoa com sangramento no pescoço, e logo em seguida outro indivíduo portando uma arma tipo “garrucha”, o qual teria sido identificado como Cleideildo Silva Lopes. A motivação teria sido um desentendimento entre o acusado e vítima no período carnavalesco.

0 comentários:

Postar um comentário

Facebook

Rádio do seu Coração