quinta-feira, 3 de janeiro de 2019

Sessão do dia 17 de dezembro de 2018. Foto/Josiel Lima

Em Igarapé do Meio, uma cidade que ora outra ouve-se populares dizer: “Aqui tudo pode” e, não é que a frase se encaixa no atual momento político que o município passa. Uma câmara municipal de vereadores que legalmente deveria ter 9 vereadores e dentre estes, 1 presidente; tem hoje, 2 presidentes e 8 vereadores, somando-se 10 parlamentares. 

ENTENDA O CASO: 

No dia 14 de dezembro de 2018 as vereadoras Odeanna Leyze da Silva Melo (DEM) e Rozenilde Vieira Pereira (PTB) tiveram seus mandatos extintos por faltarem pouco mais de 1/3 das sessões da câmara municipal de Igarapé do Meio. Com isso o 1º suplente de vereador, Dimas de Sousa Lima (PSDB), o popular “Irmão Dimas”, foi notificado a comparecer na sessão do dia 17 de dezembro de 2018, onde munido de toda documentação, tomou posse do cargo de vereador, sendo empossado pelo presidente da câmara José Benedito Mendes Santos (PR), o popular “Zeca de São Benedito”.

Depois que o “Irmão Dimas” tomou posse do cargo de parlamentar, os vereadores Claudemir de Jesus Irineu Soares (PSD), o popular “Professor Claudemir”, Vereador Djair Pereira Viana (PSB), o popular “Viana”, acompanhados das duas vereadoras com mandatos extintos e do vereador Givanildo de Freitas (PSDB), popular “Professor Gil” que teve ]==-o pedido de seu mandato extinto na sessão por também faltar 1/3 das reuniões daquela casa.

“Professor Gil”, não contente com a extinção dos mandatos, pegou o LIVRO ATA que estava em cima do balcão onde ficam o presidente, o vice, o 1º e 2º secretário (livro esse que comprova as faltas) e correu, mas foi interceptado por algumas pessoas. “Professor Gil” não contente por ter sido barrado, rasgou o LIVRO ATA na tentativa de destruir provas de que eles foram faltosos nas sessões e assim evitar terem o mandato extinto.

O clima ficou pesado na “casa do povo”, pois os parlamentares lançavam palavras e apontavam dedos contra o presidente “Zeca de São Benedito”, na tentativa de intimida-lo. Depois de um bom tempo os vereadores foram para o plenário, no entanto os opositores (2 vereadores e 3 com mandato extinto), sob o comando do vereador Claudemir de Jesus Irineu Soares (PSD), o popular “Professor Claudemir” se auto proclamou presidente da câmara e de costas para o atual presidente iniciou uma sessão com apenas 2 vereadores, tendo em vista que três não poderiam participar, pois tiveram seu mandato extinto.

A “sessão” conduzida pelo “Professor Claudemir” – regada de vaias, teve seu fim e os parlamentares se retiraram. O atual presidente “Zeca de São Benedito”, retomou os trabalhos e teve sua chapa eleita:

Presidente: Zeca do São Benedito

Vice: Aldenira

1ª Secretária: Ivane

2º Secretário: Mateus do São Vicente

É importante dizer que “Irmão Dimas” era o 1º Suplente da coligação “Nós Somos Igarapé do Meio” e o mesmo havia recebido o Diploma junto ao TRE. Já Maria Luiza e o Professor Zeze, terão de solicitar seus diplomas ao TRE, pois estes já foram notificados, segundo informações.

SOBRE A POSSE

Chagado o dia 1º de janeiro de 2019, o presidente da câmara, o vereador “Zeca de São Benedito” é empossado como presidente reeleito para o biênio 2019/2020, na madrugada de terça-feira (1º). 

No entanto, como houve duas eleições paralelas em uma sessão truculenta, já era de se esperar que a segunda chapa eleita, composta por duas vereadoras com mandatos extintos e com o vereador também com solicitação de mandato extinto, sendo assim com apenas dois parlamentares regulares – pelo que diz o regimento da câmara.

A segunda sessão de posse ocorreu fora, em baixo de uma tenda aos olhares de curiosos. O fato é que os vereadores de oposição montaram a tenda com o objetivo de lavrar ata para encaminhar ao ministério público na tentativa de anular a eleição da mesa diretora encabeçada pelo vereador “Zeca de São Benedito”. Essa “novela” ainda terá outros capítulos.

Vereador só deve se reunir uma vez por semana (sexta-feira) e quando for sessão extra. Enquanto isso um trabalhador comum da cidade trabalhará duro o mês inteiro,já os nobres vereadores receberão seus proventos no dia 20.Isso pode?

Via Alex Carlos com Edição Neto Weba

0 comentários:

Postar um comentário

Facebook

Rádio do seu Coração