quarta-feira, 24 de outubro de 2018

O Departamento da Vigilância Epidemiológica e Saúde deu início na semana passada, a Campanha de Vacinação Antirábica. A imunização se estende até o dia 20 de Novembro e a meta é vacinar cerca de 1.100 animais em todo o município. Equipes do departamento está percorrendo diversas localidades da cidade objetivando identificar, de forma mais rápida, cães e gatos aptos a tomar a vacina.

Os proprietários devem levar os cães com coleira e guia; e os gatos em caixas de transporte apropriadas. Animais com temperamento agressivo precisam estar com focinheira.

Sintomas como dores no local vacinado, febre e comportamento mais quieto do animal podem ocorrer até 36 horas após a aplicação.
Sintomas como dores no local vacinado, febre e comportamento mais quieto do animal podem ocorrer até 36 horas após a aplicação. “A vacina é destinada apenas para animais a partir de 03 meses de idade. Mas, se haver casos em os animais em idade, jovem/adulto que nunca foram vacinados, o chamado de primo vacinado, este deve tomar a primeira dose e depois de 30 dias o animal deve ser levado a Departamento da Vigilância Epidemiológica para tomar a segunda dose de reforço. Só lembrando que as fêmeas que estão gestantes e em fase de amamentação não podem receber a vacina”, explicou o médico veterinário, João Monteiro.

No dia 3 de novembro acontecerá o “Dia D Contra a Raiva”, no qual a praça da Matriz será o ponto de vacinação. “Promova a saúde do seu animal de estimação e não esquecer da carteira de vacinação, que é muito importante para manter a vacinação em dia, uma vez que essa doença é letal para o homem. É recomendável também que apenas pessoas adultas levam os animais para receber a vacina”, reforçou João.

0 comentários:

Postar um comentário

Facebook

Rádio do seu Coração