domingo, 10 de junho de 2018


O deputado estadual Wellington do Curso, presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia, formalizou representação ao Ministério Público e à Ordem dos Advogados do Brasil para denunciar diversas ameaças e agressões sofridas por uma menor de apenas 13 anos, que foi supostamente acusada de prática de ato infracional análogo ao crime de furto pela prefeita de Anapurus, Vanderly, seu marido Ivanildo e pela sua filha Carol Monteles.

Ao encaminhar a denúncia, o deputado Wellington solicita que o Ministério Público através da Promotoria da infância e da Juventude, e a OAB, por meio da comissão de Direitos Humanos, tomem providências para apurar possíveis crimes cometidos contra a menor e garantir proteção, se for necessário.

“De acordo com relatos da própria mãe, a menina de apenas 13 anos e sua família estão sofrendo ameaças, inclusive de morte. Não podemos confirmar a veracidade dos fatos, mas a questão deve sim ser investigada e, assim, devem ser adotadas as devidas providências. Já protocolei as representações e deixo aqui o meio apoio aos familiares da menina. Aproveito também para agradecer a confiança de cada maranhense que vive em Anapurus e me encaminhou essa denúncia. A adolescente e sua família não estão sozinhas, estamos acompanhando o caso e daremos todo apoio necessário”, disse o deputado Wellington do Curso.

0 comentários:

Postar um comentário

Facebook

Rádio do seu Coração