quinta-feira, 8 de março de 2018


Uma programação com diversas ações culturais na cidade de Pindaré-Mirim reuniu mais de 400 alunos do ensino médio como parte da exposição itinerante da Casa de Cultura Josué Montello, equipamento vinculado à Secretaria de Estado da Cultura e Turismo (Sectur). O encerramento acontece nesta quinta-feira, 8, no Centro de Ensino Francisco das Chagas Vasconcelos.

O objetivo da mostra é despertar nos estudantes o amor pela leitura e escrita e difundir a literatura do escritor maranhense Josué Montello. A exposição é composta por painéis com fotografias, recortes de jornal, correspondências e artigos; livros, entre obras do próprio autor e de outros escritores maranhenses, além de um vídeo-documentário.

Para o professor de literatura, Paulo Rodrigues, receber a Casa de Cultura é uma oportunidade de ampliar a formação do leitor, em especial dos alunos da rede pública estadual de ensino. “Temos um projeto em curso, na Escola Francisco das Chagas Vasconcelos, que pretende trabalhar com diversos autores maranhenses, e começar com Josué Montello nos motiva para promover novos aprendizados”, ressaltou o professor.

Sorteio e palestras

Durante a semana, que contou ainda com palestra e exibição de vídeos, foi realizado sorteio entre os alunos dos livros recentemente editados “Janelas Fechadas”, o infanto-juvenil “O tesouro de D. José e outros contos” e as crônicas “Escritores Maranhenses”. A palestra sobre vida e obra do escritor foi apresentada pela diretora da Casa, Joseane Souza, e pela bibliotecária Wanda França, técnica da CCJM em São Luís. 

A aluna Pamala Moraes, do segundo ano do ensino médio, ficou curiosa para ler o livro “Janelas Fechadas”. “O livro me chamou a atenção principalmente pelo tema tão atual, que trata dos conflitos enfrentados por adolescentes que engravidam muito cedo”. Pamala agradeceu ainda a oportunidade de participar da palestra e desejou que outras ações culturais venham a acontecer na cidade.

Outras cidades

A mostra itinerante deve percorrer vários municípios ainda este ano para levar não apenas a obra de Josué Montello mas da literatura maranhense, com obras de vários autores para que os alunos tenham acesso a esse grande repertório. O evento faz parte das ações comemorativas do centenário de nascimento do escritor Josué Montello, iniciadas desde o ano passado.

“Estamos tendo uma participação maciça de estudantes e professores e isso é muito gratificante, principalmente pelo fato de estarmos celebrando os dez anos do projeto Exposição Itinerante, que ao longo desse período já percorreu 28 municípios do Maranhão, isso mostra a importância da preservação da memória literária maranhense, bem como, sua divulgação como forma de estímulo a leitura e escrita para as novas gerações”, afirmou Joseane Souza, gestora da Casa de Cultura Josué Montello.

Para o diretor do Centro de Ensino Francisco das Chagas Vasconcelos, Wagner Mesquita, o evento foi um divisor de águas, um marco pedagógico no segmento da leitura e escrita. “Por meio deste projeto tivemos a oportunidade de conhecer um dos maiores nomes da literatura mundial que resultou, sem sombra de dúvida, em conhecimento que nos incentiva a valorizar talentos tão próximos de nós e da nossa realidade”, finalizou.

0 comentários:

Postar um comentário

Nova Rádio Timbira

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog