sábado, 4 de novembro de 2017






SÃO LUÍS - A polícia prendeu, na tarde deste sábado (4), Robert Serejo Oliveira, ex-padrasto e principal suspeito de ter assassinado a menina Alanna Ludimila, de 10 anos. A justiça já havia decretado a prisão de Robert, que estava foragido desde o desaparecimento da criança.

O suspeito estava tentando fugir numa van, mas foi reconhecido pelo motorista do veículo. Quando chegou na barreira da Estiva, o motorista avisou a polícia, que rapidamente efetuou a prisão à Robert, que estava foragido.
De acordo com o Coronel Aritanã Lisboa, que está envolvido no caso desde o dia do desaparecimento da criança, o suspeito foi conduzido a sede da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic). Segundo ele, a investigação vai continuar até que sejam checados todos os detalhes do crime.
"Está confirmado que é realmente o Robert, a polícia fez o reconhecimento e a checagem das fotos. As investigações continuam, apesar de ser um caso praticamente elucidado, mas precisamos desvendar todos os fenômenos, não pode restar nenhuma dúvida em relação ao caso, que comoveu toda a população", afirmou o Coronel.


0 comentários:

Postar um comentário

Nova Rádio Timbira

SuperSportingBet

SuperSportingBet

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog