quarta-feira, 3 de outubro de 2018



Um homem, identificado como João Guido Cardoso Carvalho, morreu após reagir a uma abordagem policial na cidade de Turiaçu. Ontem, por volta de 18h, ele atentou contra a vida do investigador de Polícia Civil Roneyson Pinto dos Reis, conhecido por ‘Selva’.

O investigador havia se deslocado com policiais militares a uma residência localizada no Povoado Paxiba, onde o senhor João Guido, armado com um facão, ameaçava de morte seus familiares. Na ação, o investigador foi atingido por um golpe de facão na região lateral da cabeça e do rosto.

O policial foi socorrido pelos PMs e conduzido ao hospital. No alvoroço da prestação de socorro, a arma de fogo, a algema e o celular do Policial agredido ficaram no local e foram recolhidos pelo agressor.

O investigador passou por procedimento cirúrgico e está fora de risco de morte

Uma equipe da Delegacia Regional de Pinheiro deslocou-se para dar apoio ao investigador e resgatar a arma de fogo institucional da Polícia Civil que estava na posse do agressor.

O agressor João Guido Cardoso Carvalho reagiu à abordagem, fazendo uso da pistola do investigador, ocasião em que foi atingido por um disparo, na cabeça, morrendo no local.

O investigador passou por procedimento cirúrgico e está fora de risco de morte. Ele será transferido de helicóptero pelo CTA para um hospital da capital. Sua pistola, algema e celular foram recuperados.

O agressor, supostamente, tinha problemas mentais e histórico que revelam alta periculosidade. Ele costumava andar armado com um facão e, frequentemente, ameaçava seus familiares de morte. Há cerca de três anos, ele agrediu um policial militar com golpes de facão, provocando graves lesões no braço.

Com informações de Vandoval Rodrigues

0 comentários:

Postar um comentário

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog