segunda-feira, 1 de outubro de 2018
Por Luís Pablo 

Eliziane Gama e Neto Evangelista
A deputada federal e candidata a senadora Eliziane Gama e o deputado estadual e candidato à reeleição Neto Evangelista criticaram a repressão política que vem ocorrendo no município de Zé Doca-MA.

Eliziane e Neto estiveram na cidade cumprindo agenda de campanha na noite da última sexta-feira, dia 28. A população que compareceu no evento político no bairro Vila Nova, relataram aos dois candidatos que estão vivendo uma espécie de ditadura na cidade.

Uma morador identificado como Maciel disse que os “professores recebem para trabalhar nos dois turnos e estão sendo obrigados, no expediente de trabalho, a fazer campanha, durante um turno, para a atual gestora.”

Uma liderança da cidade chamada Kimkim relatou que “as pessoas estão sendo ameaçadas. A gestão atual está obrigando os funcionários a votarem nos seus candidatos, sob pena de perderem seus vencimentos, seus empregos.”

Ao ouvirem os relatos dos moradores, Eliziane Gama e Neto Evangelista se pronunciaram. A deputada falou que o povo precisa de liberdade, e que mesmo com toda essa repressão, Neto Evangelista será um dos deputados mais bem votados em Zé Doca. “Neto é um jovem querido, e aqui não é diferente. Ninguém é maior do que o povo, e o povo vai escolher Neto Evangelista nas urnas.”

Neto, por sua vez, disse que irá lutar “pela liberdade das pessoas. Da última vez que estive aqui, eu vi cenas de repressão, vamos combater isso. Começando no dia 7 de outubro, nas urnas.”

Zé Doca é administrado pela prefeita Josinha Cunha, irmã do deputado estadual e candidato a deputado federal Josimar de Maranhãozinho, que liderado todo grupo político da região, inclusive sua própria irmã. A mulher de Josimar, a ex-prefeita Detinha é candidata a deputada estadual.

Josinha, Josimar e Detinha

0 comentários:

Postar um comentário

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog