domingo, 16 de setembro de 2018


CHAPADINHA – Na madrugada deste domingo (16), um policial militar, identificado apenas como Osias, morreu após ser atropelado na cidade de Urbano Santos.

Segundo informações policiais, o PM, que era lotado no 16º BPM de Chapadinha, estava realizando uma barreira policial na cidade de Urbano Santos, com o intuito de prender possíveis assaltantes que estavam atuando na região. Durante a operação, o PM foi atropelado por um veículo que furou o bloqueio policial.

O soldado ainda chegou a ser socorrido e encaminhado para São Luís, mas morreu durante a transferência para a capital maranhense.

Ainda de acordo com a polícia, o motorista do veículo envolvido no caso estava bêbado e foi preso horas depois do atropelamento. O homem foi identificado como Ediel de Sousa Silva e foi levado para a Delegacia de Chapadinha.

Em nota, a Superintendência de Polícia Civil do Interior (SPCI) informa detalhes do trágico acidente que vitimou o PM Osias de Oliveira.

Leia nota na íntegra:

A Superintendência de Polícia Civil do Interior (SPCI) informa que Ediel de Sousa Silva, de 40 anos, foi preso em flagrante na madrugada deste domingo (16), após furar barreira policial e atropelar dois militares, no município de Urbanos Santos. A ação do condutor do veículo (modelo Agile de cor branca) vitimou Luís Carlos e Osias de Oliveira Santos - ambos da corporação do 16º BPM de Chapadinha. Os policiais faziam parte da operação cujo objetivo era abordar veículos para identificar pessoas em posse de arma, drogas e suspeitas de cometer crimes na região.

Os dois PMs foram socorridos de imediato e encaminhados ao Hospital Municipal de Urbano Santos. O soldado Luís Carlos sofreu ferimentos leves, no entanto, Osias de Oliveira precisou ser encaminhado a São Luís para cuidados médicos especializados, mas não resistiu aos ferimentos e veio a óbito enquanto era deslocado para a capital.

Ediel de Sousa Silva está preso na Unidade Prisional de Ressocialização (UPR) de Chapadinha. O acusado responderá pelos crimes de embriaguez ao volante, dirigir sem habilitação, homicídio e tentativa de homicídio. O inquérito tramitará na Delegacia de Urbano Santos, onde o caso está sendo investigado.

0 comentários:

Postar um comentário

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog