quarta-feira, 15 de agosto de 2018

Consórcio montado pela oligarquia para enfrentar Dino, segundo a pesquisa, não vingou

Pesquisa realizada pelo Instituto Data Ilha/Difusora revela que se as eleições fossem hoje o governador Flávio Dino (PCdoB), seria reeleito no primeiro turno com 61,76% dos votos válidos. Em segundo ligar ficaria a ex-governadora Roseana Sarney (MDB) com 32,93%, vindo em seguida Roberto Rocha (PSDB), com 3,19%, Maura Jorge (PSL), com 1,14%; Ramon Zapata (PSTU), com 0,37% e Odívio Neto (PSOL), com 0,61%.

Segundo o levantamento do Instituto Ilha, divulgado na véspera de início oficial das campanhas eleitorais de rua, na votação nominal, que considera os indecisos, brancos e nulos, o governador Flávio Dino também aparece em primeiro lugar com 51,1%, vindo em seguida Roseana Sarney com 28,1%, Roberto Rocha com 3,0%; Maura Jorge, com 1,4%, Ramon Zapata e Odívio Neto aparecem com 0,5% cada um. Não souberam ou não responderam somaram 9,8%. Brancos e nulos 5,6%.

O Data Ilha encontrou um cenário bastante favorável à reeleição do governador. O índice de aprovação da administração estadual é de 60,92%, contra 39,08% daqueles que desaprovam. Na votação nominal, Dino tem aprovação de 58,32% e não é aprovado por 37,41 dos entrevistados. Não responderam ou não souberam responder somaram 4,27%.

A pesquisa foi realizada no período de 4 a 6 de agosto, junto ao universo de 2.037 eleitores maranhenses em 36 cidades e foi registrada no TSE sob o número MA-03307/2018. A margem de erro é de 3,3 pontos percentuais para mais ou para menos e o nível de confiança é de 95%.

0 comentários:

Postar um comentário

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog