quinta-feira, 31 de maio de 2018

Encontro da Faema/Senar com o governador Flávio Dino. (Foto: Gilson Teixeira)
Mais de 100% de aumento na produtividade de hortifrúti. Esse foi apenas um dos resultados apresentados pelos representantes da Federação de Agricultura e Pecuária do Maranhão/Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Faema/Senar) durante reunião com o governador Flávio Dino, nesta quarta-feira (30), no Palácio dos Leões. Além deles, também participaram da audiência representantes da Associação Produtores de Soja (Aprosoja) da região do Alto Parnaíba, que buscaram soluções para minimizar efeitos da crise federal de combustíveis.

Idealizado para alavancar a produção agrícola no estado, nos últimos três anos, o Mais Produção chegou a mais de 170 cidades maranhenses, levando ações para estimular 11 cadeias produtivas prioritárias como a avicultura e hortifrúti.

“Das cadeias que o Governo priorizou, estamos fazendo esse trabalho com cinco delas, com 1.550 proprietários”, informou o presidente da Faema/Senar, Raimundo Coelho.

“Na cadeia de hortifrúti, tivemos aumento de 109% da produtividade. Produtores que antes tinham prejuízo hoje têm lucros graças à transferência de tecnologia que o Governo está levando”, completou o presidente.

O Mais Produção é um dos programas de incentivo à agricultura realizado por meio da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima).

Ações anticrise

O presidente também elogiou a postura do Governo do Estado ao lidar com a crise federal de combustíveis: “Essa postura foi muito importante, foram medidas de quem está preocupado com o estado”.

O secretário executivo da Aprosoja, Sérgio Delmiro, também elogiou a postura e aproveitou a ocasião para buscar soluções para os efeitos das paralisações nacionais, que têm gerado acúmulo da produção de soja e dificuldade de escoamento.

“Buscamos principalmente formas de resolver o problema logístico que foi criado e também tratamos de outros temas, e o governador foi muito atencioso, nos trouxe soluções e acredito que todos os encaminhamentos foram dados”, disse.

Para ele, o apoio à agricultura dado pelo Governo é o atual diferencial do Maranhão: “Hoje nós temos um apoio bem grande do Estado, que tem procurado encarar o agronegócio como parte do Maranhão, tendo um olhar diferenciado. E temos gostado bastante de como as coisas tem acontecido aqui”.

0 comentários:

Postar um comentário

Nova Rádio Timbira

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog