terça-feira, 3 de abril de 2018



O Tribunal de Justiça do Maranhão revogou, na manhã desta terça-feira (03), a prisão preventiva que havia sido decretada contra Lúcio André, irmão do prefeito da cidade de Pinheiro. Lúcio foi acusado de agredir a ex-mulher após um jantar em um restaurante de São Luís.

Durante a sessão plenária do TJ, os desembargadores Raimundo Melo e Bayma Araújo se manifestaram pela revogação, mas o relator, desembargador João Santana foi contrário aos amigos da 1ª Câmara Criminal.

Do blog Neto Ferreira

0 comentários:

Postar um comentário

Facebook

Rádio do seu Coração