domingo, 29 de abril de 2018


Segundo a Defesa Civil 1.623 famílias foram afetadas pelas enchentes no estado

Roseana durante entrevista na rádio Mirante FM, de propriedade de sua família 
Em entrevista à rádio Mirante FM na última sexta-feira, Roseana Sarney (MDB) deu uma demonstração do seu descaso com os problemas enfrentados pelos municípios atingidos pelas cheias no Maranhão ao justificar que suspendeu sua caravana de pré-campanha devido ao alagamento de várias cidades decorrente das enchentes dos rios com as fortes chuvas que continuam caindo no estado.

– Estávamos marcados para o começo de abril, mas fui avisada que não era para ir, por causa dos rios, que tinham enchido muito, e que as cidades estavam todas alagadas – explicou.

Ora, ao contrário do seu entendimento tosco, o alagamento das cidades torna mais importante a visita de qualquer político, ainda mais em se tratando de uma aliada do seu quilate na balança golpista do presidente Temer.

Além de prestar solidariedade, ela teria oportunidade de testemunhar os estragados ocasionados pelas cheias e as dificuldades dos milhares de desabrigados, e assim tomar ciência da dimensão do problema e da necessidade de liberação urgente de recursos federais para os municípios atingidos. 

A sua atitude em negar o seu apoio político no enfrentamento dos danos provocados pelas enxurradas é resultado da sua falta de estímulo por não ser mais governadora, e não poder conveniar diretamente as verbas do Planalto, como fizera em 2009 quando conseguiu do então ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima, R$ 35 milhões em valores da época para recuperar a infraestrutura dos municípios destruída pelas águas.

Segundo relatório da Controladoria Geral da União, 50,25% desse montante foram aplicados irregularmente em obras fictícias e pavimentação asfáltica de baixa qualidade, através de empresas amigas contratadas com dispensa indevida de licitação.

O alagamento de uma cidade só é motivo para se cancelar uma viagem turística, um passeio, uma diversão no interior do estado, quando se quer distância do sofrimento alheio!

De acordo com a Defesa Civil, 1.623 famílias foram afetadas pelas inundações em 19 cidades do Maranhão.

E Roseana nem aí!

Do Blog do garrone

0 comentários:

Postar um comentário

Facebook

Rádio do seu Coração