domingo, 29 de abril de 2018


O corpo de Wilsimar Sousa Silva, o “Cimar”.
O Assassino do tricampeão mundial de Jiu-Jitsu, Tiago Guma, foi morto em possível confronto com policiais militares, no povoado São Félix, na cidade de Governador Luiz Rocha, na noite de sábado (28). O assassino teria reagido à prisão, levando a guarnição a disparar contra ele, que não resistiu e morreu no local.

O corpo de Wilsimar Sousa Silva, o “Cimar”, como era conhecido o assassino de Guma, foi levado para o hospital da cidade. Dezenas de pessoas se aglomeraram no entorno para saber se ele havia morrido mesmo. Estava sendo oferecida uma recompensa de R$ 5 mil para quem conseguisse passar informações sobre o paradeiro do assassino do lutador.

“Cimar” estava foragido desde a manhã da última terça-feira (24), após matar, de forma cruel e covarde, o lutador Tiago Guma, na cidade de São Domingos do Maranhão.

O crime ocorreu nas proximidades da academia de Guma, às 7h18, após uma discussão no trânsito. Ao descer da moto, “Cimar” saca a arma e ameaça disparar. Guma tenta desarmá-lo, mas não consegue. Os dois travaram luta corporal e, já no chão, o tricampeão de Jiu-Jitsu foi atingido por dois disparos. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos. Pelas informações da polícia, “Cimar” seria autor de dois outros homicídios, sendo um no estado do Pará.


(FONTE: GILBERTO LIMA)

0 comentários:

Postar um comentário

Nova Rádio Timbira

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog