segunda-feira, 26 de março de 2018


A ação foi resultado de uma parceria entre o Sebrae e as prefeituras de Bom Lugar e Bequimão, partindo da articulação promovida pela superintendência do Sebrae Maranhão, envolvendo as unidades regionais de Pinheiro e Bacabal. 


Um grupo formado por 15 piscicultores do município de Bequimão, localizado na região da baixada maranhense, integraram uma missão técnica promovida pelo Sebrae Maranhão, que viajou até o município de Bom Lugar, na região central do estado, para conhecer um projeto inovador de criação de peixes em cativeiro. O método utilizado é a criação de peixes em tanques de lona suspensos, com adição de oxigênio e alta renovação da água.

A idealização do proprietário Herci Júnior, envolve boa parte dos requisitos apontados pelo SebraeTec, por meio do qual, o empreendedor está sendo atendido pelo Sebrae,dando continuidade ao desenvolvimento de seu projeto. A ideia do produtor é ter uma grande produtividade e aposta na inovação dos tanques de lona.

A caravana visitou ainda a linha de produção da fábrica de rações, Aginutre, que produz ração animal para peixes, suínos, aves, equinos e recentemente lançou no mercado mais duas linhas de produtos para animais de estimação. A moderna fábrica de ração animal fica localizada no município de Bacabal e já se tornou uma das gigantes do seguimento no estado.

Atualmente, a fábrica atende consumidores dos municípios de Bacabal, Lago da Pedra, Pedreiras, Presidente Dutra, São Mateus, Codó, Caxias e muitos outros. 

“É um prazer receber nossos clientes e passar para eles o zelo com que está sendo feito o processo de fabricação, a tecnologia que é aplicada com o mesmo padrão que antes nós importávamos. Agradecemos aos nossos clientes e ao Sebrae que sempre esteve conosco desde o início, esperamos continuar com esta parceria construindo cada passo que virá”, ressaltou o empresário Elício Mota, proprietário da Aginutre.

O gerente regional do Sebrae em Bacabal, Fábio Braga, que acompanhou a missão, parabenizou o grupo de empreendedores e reforçou a importância da missão para o crescimento dos dois municípios. 

“Quero parabenizar os piscicultores de Bequimão pelo desafio de se dispor a sair de Bequimão e vim a Bom Lugar com toda predisposição para aprender e isso é fundamental. Parabenizo o empresário Herci Júnior, por ter esse pensamento de partilha. Nós pensamos na coletividade, assim cresce Bom Lugar e Bequimão e ganha o Sebrae por cumprir o seu papel de contribuir para promoção de desenvolvimento e qualidade de vida das pessoas. Todos nós saímos ganhando com essa parceria”, enfatizou. 

COMO SURGIU A MISSÃO

O intercâmbio de conhecimento proporcionado pela missão técnica só foi possível graças a ação do Sebrae Maranhão, por meio de suas unidades regionais em Pinheiro e Bacabal, que atendem piscicultores de ambas as regiões. A ideia de promover a troca de conhecimento e experiências exitosas entre regiões com realidades tão diferentes, surgiu durante os Seminários de Negócios Rurais, que discutiram as oportunidades no empreendedorismo rural nas cidades de Bequimão e Pedreiras.


Estes seminários por sua vez, foram pensados com o intuito de discutir as potencialidades do agronegócio nas regiões da baixada e do médio mearim. Formatados com uma abordagem direta e linguagem de fácil compreensão, os seminários apresentaram os principais tipos de negócios viáveis para as regiões e discutiram as opções de investimento, passando pela gestão com foco no mercado e na implantação de inovação e tecnologia.
Vale ressaltar que os eventos foram resultado de uma parceria entre o Sebrae e as prefeituras locais, partindo da articulação promovida pela diretoria executiva do Sebrae Maranhão, por meio do diretor superintendente, João Martins, que participou do seminário que foi realizado em Bequimão.
“Acreditamos que o fortalecimento de qualquer atividade empresarial, seja ela urbana ou rural, passa pela capacitação dos empreendedores envolvidos e daqueles que estão à frente do negócio. O Sebrae Maranhão tem trabalho incansavelmente para proporcionar a estes empreendedores oportunidades como esta e graças a este trabalho desenvolvido de maneira brilhante pela nossa equipe os resultados já são inúmeros espalhados por todo o estado, essa é a nossa contribuição quanto instituição para que tenhamos um estado mais produtivo e desenvolvido”, garantiu Martins.

OS SEMINÁRIOS

Foram mais de 100 empreendedores rurais sensibilizados durante as duas capacitações, onde foram discutidos assuntos que vão desde opções de investimentos,
a gestão com foco em mercado, acesso ao crédito para inovação tecnológica e o profissionalismo dentro das propriedades.

Os procedimentos e exigências legais para habilitação formal (DAP; Inscrição Estadual, CNPJ), habilitação ambiental (licenciamento, CAR e outorga de uso de água) e habilitação fundiária (legalização de imóveis, posse, arrendatário e outros), também foram tema de amplo debate durante o seminário.
Ambas as iniciativas deram início a construção de um plano de ação para execução já a partir deste ano em suas respectivas atividades. Um verdadeiro salto de qualidade para aqueles que desejam de fato comercializar suas produções de forma competitiva.

“Nossas atividades na região da baixada são intensas e até o fim deste ano inúmeras ações já estão programadas para que esse trabalho de capacitação com empreendedores rurais não pare”, afirmou Graça Fernandes, gerente regional do Sebrae em Pinheiro, responsável pelo atendimento de 25 cidades da baixada e do litoral ocidental maranhense.
Para o Sebrae, esta atuação diferenciada, que propõe uma abordagem empresarial dentro das atividades rurais, servirá como ação estruturante para o crescimento do segmento dentro do estado, tornando a atuação destes empreendedores rurais que atuam nessas regiões ainda mais profissional e focada em resultados.

“Foi uma grande oportunidade e bastante produtivo este dia de hoje poder conhecer dois grandes empreendimentos e poder ouvir dos empresários, dicas importantes para o desenvolvimento da atividade de piscicultura em nossa região da baixada”, destacou Antônio Pereira, piscicultor de Bequimão.

0 comentários:

Postar um comentário

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog