terça-feira, 6 de março de 2018


O Departamento Estadual de Trânsito do Maranhão (Detran-MA) suspendeu os serviços on line do órgão como prevenção contra um onda de ataques de hackers que tem afetado vários sites públicos e privados em várias partes do mundo. A paralisação temporária dos serviços on line é necessária para efetuar ajustes técnicos a fim de aumentar a segurança do portal.

Cerca de 60 serviços foram suspensos, entre eles, atendimentos de grande procura como consulta de recursos de infração, segunda via de CNH, emissão de boletos e taxas. Todos os serviços serão reescritos e reprogramados. O que deve levar pelo menos 60 dias até que toda a reconfiguração seja concluída.

Nesse período de suspensão, quem precisar dos serviços do Detran-MA terá que se dirigir pessoalmente a um dos postos de atendimento do órgão. Atualmente o Detran-MA conta com 15 Circunscrições Regionais de Trânsito (Ciretrans) atuando no interior o Estado. Só na área metropolitana de São Luís são sete pontos de atendimento, incluindo a sede, além de vários postos avançados e o novo posto da BR-135, no Tibiri, inaugurado em fevereiro desde ano. 

Para facilitar a vida dos usuários, alguns postos do Detran-MA oferecem atendimento em horário diferenciado. É o caso dos postos do Viva no Shopping Pátio Norte, na Estrada de Ribamar, que funciona de segunda a sexta até às 22h, e do posto do Viva do Shopping da Ilha que atende também aos sábados e domingos até as 19h.

Segurança Digital

Nos últimos meses tem sido cada vez mais frequente um tipo de ataque hacker conhecido como “ataque de negação de serviço”, que consiste basicamente em sobrecarregar um site com grande volume de dados e acessos falsos, acarretando lentidão e ás vezes queda do sistema.

A equipe de informática do Detran-MA, que realiza monitoramentos rigoroso e continuo no site do órgão, notou que, desde o dia 25 de fevereiro, o serviço tinha se tornado extremamente lento. Os técnicos então realizaram uma investigação apurada e detectaram um grande numero de falsos usuários, sendo que cada um deles vinha realizando cerca de duas mil consultas por minuto, evidenciando um ataque robotizado de programas maliciosos.

O ataque do tipo “negação de serviço” não coloca em risco os dados dos usuários. Ou seja, não há possibilidade das informações serem corrompidas, copiadas ou apagadas. No entanto, a lentidão do sistema provoca certo aborrecimento e um descontentamento com o serviço oferecido.

De acordo com o Coordenador do Setor de Informática, Jorge Henrique, várias medidas estão sendo tomadas para sanar o problema. “Vamos reconfigurar vários equipamentos e serviços como fireWalls, proxys, emails, e até os servidores web que operam no nosso sistema. Além de reescrever todos os códigos dos serviços, também vamos implantar um sistema conhecido como ‘captcha’, que é aquela sequencia de letras e números que o usuário precisa digitar para abrir uma página, evitando assim que robôs acessem nossos serviços”, afirmou.

0 comentários:

Postar um comentário

Facebook

Rádio do seu Coração