domingo, 18 de fevereiro de 2018


Não será surpresa alguma caso a ex-governadora Roseana Sarney (PMDB) desista de sua candidatura ao Governo do Maranhão.




O péssimo desempenho nas pesquisas eleitorais, somadas às denuncias de corrupção e à deserção de antigos aliados, apontam para a provável derrota da peemedebista ainda no primeiro turno. Para evitar o vexame, a filha de Sarney pode mudar de ideia.

O cancelamento da viagem dela a Imperatriz, por não conseguir formar uma comitiva, é o sinal da sua baixa popularidade não apenas entre o eleitorado, mas também de abandono da classe política.

Nem mesmo os asseclas da mídia sarneyzista acreditam mais em sua eleição, tanto que existe um movimento para convencer o deputado estadual Eduardo Braide (PMN) a ser candidato ao governo apoiado pela oligarquia.

A tese oposicionista é que Braide não tem uma rejeição tão acentuada quanto à ex-governadora e possui menor rejeição, talvez por desconhecimento, que os demais laranjas do clã, como Maura Jorge (Podemos), Roberto Rocha (PSDB) e Ricardo Murad (PRP).

Da esperança de voltar ao poder, a herdeira do oligarca José Sarney virou a decepção daqueles que sucatearam o estado nos últimos cinquenta anos.

Do Blog Marrapá

0 comentários:

Postar um comentário

Nova Rádio Timbira

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog