terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

Aniversário de 80 anos de Benedito Buzar.

Em pronunciamento feito na sessão desta terça-feira, 20, o deputado Fábio Braga (SD), registrou a sua presença no último sábado, 18, à cidade de Itapecuru-Mirim onde foram feitas homenagens ao presidente da Academia Maranhense de Letras Benedito Buzar pela passagem dos seus 80 anos de vida.

As festividades contaram também com as presenças de membros da comunidade, representantes das Academias de Letras do Estado, dos Municípios de Itapecuru, de Arari e de Vitória do Mearim e de vários políticos daquela região. “Eu também quero deixar a minha homenagem ao Benedito Buzar pela passagem dos seus oitenta anos de vida”, disse Fábio Braga, pedindo que seja transcrito nos Anais da Assembleia Legislativa o artigo feito pelo seu conterrâneo, o procurador federal Georgino Melo e Silva, em homenagem a Benedito Buzar.

Da tribuna, Fábio Braga leu o texto que sintetiza a homenagem a Benedito Buzar que é bacharel em Direito, jornalista, escritor, professor e pesquisador. Foi professor titular de Ciências Políticas da Universidade Estadual do Maranhão, deputado estadual, secretário de Estado e da Prefeitura de São Luís e também presidente da MARATUR, dentre outras atribuições.

Deputado Fábio Braga na Tribuna da Assembleia.
“Costumo-me reunir com Dr. Buzar para deliciar-me com a sua cultura, sua inteligência vibrante, sua sabedoria e seu maravilhoso senso de humor. Nascido em Itapecuru, tradicional urbe maranhense, escritor, jornalista, professor e ex-parlamentar, o nosso querido Benedito Buzar é detentor de uma memória prodigiosa e é grande conhecedor da história do Maranhão e do Brasil. Dá gosto ouvi-lo discorrer sobre acontecimentos políticos do nosso amado Maranhão. Mas Buzar é um apaixonado pela sua família, pelos seus amigos, por Itapecuru Mirim e pelo Maranhão. O mar, a terra, a história, as pessoas, as suas qualidades e defeitos, a luz, as paisagens dessa terra querida determina o ritmo de Buzar. Mesmo sem exercer mandato político, Benedito Buzar é um homem de estado. Ora, um homem de estado é antes de tudo homem. Sendo impossível entendê-lo sem nos olharmos dentro de nós mesmos para encontrarmos o que com ele temos em comum. Sentidos, sentimentos, idéias, impulsos, visões e ideais povoam a mente e o coração como a do ser humano mais simples e destituído. O que é singular em um homem como Benedito Buzar é a elevação paulatina dessas capacidades”. Isso transcrito aos Anais desta Casa fará uma homenagem ao nosso ex-deputado Benedito Buzar é a elevação paulatina dessas capacidades. O Dr. Benedito Buzar não foi e nem será cobrado, pois não se omitiu e nem negligenciou. O povo do Maranhão e do Brasil é quem deve muito ao ilustre homenageado pelo seu exemplo de vida”.

Anistia

Fábio Braga também lembrou que Benedito Buzar, ex-deputado estadual, teve o mandato abreviado pelo Regime Militar por não aceitar a forma como era conduzida a política naquela época. Mas, na gestão do então presidente Arnaldo Melo, a Assembleia Legislativa concedeu-lhe a anistia. “Esta Casa, depois de vários e vários anos, concedeu-lhe essa anistia. Ainda na presidência do deputado Arnaldo Melo foi feita uma homenagem aos deputados que tiveram os seus mandatos cassados naquela época”.

0 comentários:

Postar um comentário

Facebook

Rádio do seu Coração