domingo, 7 de janeiro de 2018



O governador em exercício, Carlos Brandão, visita a Baixada Maranhense onde vistoria obras e entrega equipamentos para reforçar a agricultura familiar. A agenda, neste sábado (6), a partir das 8h, será nos municípios de Paraibano, Matinha e Presidente Dutra onde serão vistoriadas e entregues ações de infraestrutura, assistência social e apoio à produção rural.

Em Paraibano, Brandão entrega equipamentos agrícolas, integrando as ações do programa Mais Produção, a partir das 8h. Produtores agrícolas recebem equipamento para processar milho, arroz e feijão; e ainda, 10 trituradores para a ovinocaprinocultura que serão utilizados na produção de ração animal.

“É um momento especial para a cidade, que aniversaria, e é uma região potencial produtora de grãos. Com este reforço, o Governo do Estado contribui para estimular esta atividade e garantir produção a dezenas de famílias agricultoras”, enfatiza o secretário de Estado de Agricultura Familiar, Adelmo Soares. Em seguida, o governador em exercício vistoria obras da BR-226, no povoado Baú, em Presidente Dutra, a partir das 10h.

Em mais uma etapa do programa Diques de Produção, comunidades agrícolas familiares de Matinha serão contempladas com a construção de canais para irrigação de água a ser utilizada nas colheitas. O governador em exercício anuncia a construção, com 1200 metros de canal para contenção da água salgada e garantia de armazenamento de água das chuvas para os cultivos, em solenidade, a partir do meio dia.

“Estes sistemas vêm atender uma demanda antiga da população agricultora que vive na Baixada Maranhense. O Governo do Estado está colocando em prática essa iniciativa para impulsionar o desenvolvimento econômico e social destas regiões”, ressaltou o secretário de Estado de Desenvolvimento Social, Neto Evangelista.

O programa Diques de Produção, desenvolvido nas modalidades barragens, favorece a irrigação e impede a entrada de água salgada nos igarapés, protegendo os mananciais de água doce das regiões. Também tem a função de armazenamento de água e poderá ser utilizado como hidrovia interligando as pequenas propriedades.

“Além de estimular a produção, oferece assistência técnica e extensão rural para que as comunidades agropecuárias dinamizem suas culturas e desenvolvam projetos de geração de trabalho e renda”, informa Neto Evangelista. São executadas atividades na piscicultura, horticultura, plantio de arroz e de hortaliças e criação de animais de pequeno e médio porte. Nesta etapa, 35 cidades serão contempladas.

0 comentários:

Postar um comentário

Nova Rádio Timbira

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog