quinta-feira, 2 de novembro de 2017
 Foto divulgada pela família. (Foto: Divulgação)
Paço do Lumiar - Passado mais de 24 horas do desaparecimento da Jovem Alanna Ludmila,de apenas 10 anos, no Maiobão, em Paço do Lumiar, o Maranhão continua apreensivo e solidário com os familiares da criança.  Alanna desapareceu ontem (1º) por volta do meio dia.


De acordo com a mãe, identificada como Jaciane Borges Pereira, a filha era acostumada a ficar em casa sozinha por algumas horas, em casos emergenciais, e era orientada a não abrir a porta para ninguém. Além disso, a criança ficava com uma chave reserva.

Em imagens fornecidas por vizinhos, um carro do modelo C-3 Pallas aparece na porta da casa da criança, no horário em que ela ficou sozinha em casa, alguns momentos antes do desaparecimento.

Uma mochila, que pertence à criança desaparecida, foi encontrada em um terreno baldio no Paranã I, próximo ao Maiobão. A polícia segue fazendo as investigações sobre o caso e a família da criança faz um apelo para quem souber qualquer informação sobre a menina, entre em contato com a polícia.

A suspeita é que  ela tenha sido raptada.

Principal Suspeito

Foto do suspeito divulgada pela Policia
Na manhã desta quinta-feira, o Comandante do Corpo de Bombeiros do Maranhão divulgou a informação de que o padrasto de Alanna Ludmila, de 10 anos, passa a ser o maior suspeito do desaparecimento da menina. Ele foi  identificado como Robert Serejo Oliveira e está foragido desde as 4h30 desta quinta-feira (2).

“A foto que estou divulgado é do padrasto da menina Alanna. Ele está foragido desde as 4h30 de hoje. Ele passa à condição de suspeito e de foragido. Peço que repliquem a foto nos grupos a fim de que o máximo de pessoas possam ter conhecimento da foto desse elemento e nos ajudem com informações”, disse o comandante.

0 comentários:

Postar um comentário

Nova Rádio Timbira

SuperSportingBet

SuperSportingBet

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog