quarta-feira, 15 de novembro de 2017
Nesta quarta-feira (15), o senador resolveu envergonhar a tradição cultural do Maranhão: postou uma imagem da Independência como se fosse da Proclamação da República, demonstrando que não conhece o básico de história do Brasil.

O senador Roberto Rocha caminha para obter o título de um dos piores senadores da história do Maranhão. Empurrado pela força popular de Flavio Dino, Roberto Rocha prometia mostrar para que "serve um senador".

Contudo, não satisfeito em integrar o baixo clero do Senado, Roberto ainda resolveu se mostrar ao país do pior modo, envergonhando os Maranhenses.

Recentemente, fez escândalo e se solidarizou com Paulo Marinho, um obscuro político do grupo Sarney que se recusa há décadas a pagar pensão alimentícia a um filho. Um ato asqueroso e de aberto confronto com o Poder Judiciário.

Esse desrespeito aos direitos fundamentais fez lembrar um outro, em que o senador enviou via WhatsApp uma imagem agressiva à dignidade das mulheres.

E hoje o senador resolveu envergonhar a tradição cultural do Maranhão: postou uma imagem da Independência como se fosse da Proclamação da República, demonstrando que não conhece o básico de história do Brasil.

Pobre Flavio Dino, que hoje deve estar se contorcendo de vergonha alheia, por ter empurrado essa criatura até o Senado da República.

Pobre Maranhão, que vira motivo de achincalhe ao ser representado por alguém que não consegue distinguir Dom Pedro e o Marechal Deodoro, que não sabe medir a distância entre 1822 e 1889.

Uma tragédia!

0 comentários:

Postar um comentário

Nova Rádio Timbira

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog