quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Os concursados comemoraram a vitória assim que saiu a decisão da 1ª Vara da comarca de Maracaçumé, sobre o processo que envolve o concurso Público de Maracaçumé (edital nº 001/2016). A justiça jugou improcedente a ação dos requerentes contra a Prefeitura de Maracaçumé e o Instituto Machado de Assis. Os méritos se deu ao trabalho árduo dos advogados Dr. Jorge França e Karla Miranda que defenderam os concursados do certame.

O concurso foi realizado em 2016 e houve muitas polêmicas envolvendo a aplicação e o resultado das provas. Um grupo de pessoas entrou com uma ação contra a prefeitura e o instituto Machado de Assis. O Juiz de direito Dr. Rômulo Lago e Cruz entendeu e concluiu que as provas apresentadas não são suficientes para anular o certame. Desta forma determina que siga os trâmites legais para validação do mesmo.

Ao todo mais de três mil candidatos se inscreveram  e aproximadamente 300 foram aprovados.

Diante da decisão, os aprovados esperam que o prefeito Municipal, Chico Velho (PRB) homologue o concurso e chame os aprovados o mais rápido possível. Lembrando que existe uma carência enorme de servidores efetivos na prefeitura, haja visto que existe um número exacerbado de contratados.

Lembrando que o processo pode ou não ter fim. As partes serão intimadas e podem recorrer da decisão em 2º Instância. Diante disto, a novela pode ter novos capítulos e resultados diferentes.

0 comentários:

Postar um comentário

Nova Rádio Timbira

SuperSportingBet

SuperSportingBet

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog