domingo, 3 de setembro de 2017

Diariamente, são realizadas 12 viagens de Ponta da Espera/Cujupe e Cujupe/Ponta da Espera; com maior demanda, costumam ser disponibilizadas viagens extras

PRF instensificará fiscalização das condições dos veículos, equipamentos como pneus e limpadores de para-brisa e documentação veicular (Foto: Paulo Soares / O Estado)

Durante o feriadão da Independência do Brasil e Fundação de São Luís, muita gente vai aproveitar os dias de folga para viajar e descansar, sobretudo nas cidades do interior do estado. Os municípios da Baixada Maranhense têm a preferência da maioria da pessoas. Mas quem pretende viajar deve se apressar, porque no terminal de passagens de ferry-boat já há datas com bilhetes esgotados. No Terminal Rodoviário de São Luís, a demanda também será grande.

No terminal de passagens de ferry-boat, o movimento é intenso no posto de venda da Avenida Senador Vitorino Freire, na Areinha. O dia mais procurado é a quinta-feira, 7, para a ida, e os domingos, 10 e 17, para a volta. E já não há mais passagens disponíveis para o dia 7 para a travessia Ponta da Espera (São Luís)-Cujupe (Alcântara). Para o dia 8, há passagens disponíveis para os horários das 3h, 6h, 16h e 18h.

Entretanto, como é de costume, se houver necessidade, as duas empresas que fazem o transporte de passageiros entre os terminais da Ponta da Espera, em São Luís, e do Cujupe, em Alcântara, devem ofertar viagens extras, que vão depender da capacidade de cada empresa em atender à demanda que for para a fila de espera na Ponta da Espera, da programação normal de viagens, além das condições de segurança.

Diariamente, são realizadas 12 viagens no sentido Ponta da Espera-Cujupe e Cujupe-Ponta da Espera. Porém, em dias com maior demanda de passageiros, a exemplo dos feriados, costumam ser disponibilizadas viagens extras, com horários previamente estabelecidos. Somadas às do cronograma regular podem somar até 20 viagens.

Com viagens diárias nos Terminais de Passageiros de Ponta da Espera, em São Luís, e de Cujupe, no município de Alcântara, os ferry-boats transportam passageiros, ônibus, caminhões e veículos leves. O sistema atual de transporte de ferry-boat liga a Ilha de São Luís com a Baixada Maranhense e a Região Norte do país.

Muitas pessoas também devem viajar por terra. Por essa razão, algumas empresas que prestam o serviço de transporte intermunicipal, no Terminal Rodoviário de São Luís, já solicitaram viagens extras para atender à demanda, sobretudo na quinta-feira. É o caso da Guanabara. “Solicitamos oito ônibus extras para a quinta-feira e a sexta-feira, que são os dias de maior movimento de passageiros, e todos já estão praticamente cheios”, informou Hildener dos Santos, vendedor do guichê da empresa no terminal.

0 comentários:

Postar um comentário

Nova Rádio Timbira

SuperSportingBet

SuperSportingBet

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog