sábado, 30 de setembro de 2017


Se formou mais um embate político em Lago do Junco, que acabou gerando uma grande confusão na Câmara Municipal. Por conta do tumulto, o presidente da Casa, Romildo Duarte (PMN) teve que encerrar a sessão, nesta sexta-feira (29), antes do horário previsto para o término.

Dezenas de servidores da Prefeitura,contratados ,alguns munidos de cartazes, estiveram na Câmara para protestar contra uma representação protocolada na Justiça pela oposição. Houve gritos e empurra-empurra.

Por supostas irregularidades, vereadores da oposição cobram redução do quadro de servidores contratados.

Já os vereadores do bloco de sustentação do grupo político do prefeito Osmar Fonseca (PT), contrários à proposta, alegam que a exoneração de servidores causará grandes prejuízos. Além de afetar às famílias, o impacto será sentido também no comércio, já que o dinheiro dos servidores movimenta a economia local. O maior setor empregatício no município é o da Prefeitura ( público municipal).

Vereadores da base do governo fizeram discursos do lado de fora da Câmara, após o encerramento da sessão.

Dessa forma, cada um com sua razão e interesse, o embate político deve continuar.






Via http://www.walneybatista.com.br/

0 comentários:

Postar um comentário

Nova Rádio Timbira

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog