terça-feira, 9 de maio de 2017

O Governo do Maranhão, por meio da Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged/MA), realizou, na manhã desta terça-feira (9), o lançamento do Programa Estadual de Sanidade das Abelhas, programa instituído pela portaria Número 164, de 27 de Abril de 2017, que tem por objetivo fortalecer a cadeia produtiva apícola do Estado por meio de ações de vigilância e defesa sanitária animal. 

Visando prevenir, diagnosticar, controlar e erradicar doenças e pragas das abelhas, o Programa atuará nas atividades de educação sanitária, estudos epidemiológicos, cadastramento, fiscalização e certificação sanitária, controle de transito de abelhas e intervenções imediatas no caso de suspeitas ou ocorrência de doenças e pragas. 

Na ocasião foram entregues também EPIs e GPS adquiridos por meio uma parceria com a Secretaria de Agricultura Familiar (SAF), que serão utilizados pelos técnicos nas ações de cadastramento de propriedades e manuseio de abelhas. Os kits serão entregues para os técnicos participantes do treinamento sobre 'Manejo, Sanidade Apícola e Inspeção de Mel', promovido pela Aged em postos fixos agropecuários de barreiras e unidades regionais que apresentam quantidades significativas de cadastros de colmeias. 

O secretário de Agricultura Familiar, Adelmo Soares, destacou a importância desta parceria com a Agência de Defesa Agropecuária para o desenvolvimento do setor apícola, afirmando ainda se tratar de uma das prioridades colocadas pelo governador. "Está entre uma das prioridades do governador Flávio Dino fomentar as cadeias produtivas e no caso a do mel é garantir que os apicultores tenham apoio na produção e comercialização. Esta parceria entre a SAF, Agerp, Aged e Sagrima é indispensável para que isto ocorra." 

O presidente da Aged, Sebastião Anchieta, disse que este se trata de um grande passo para o setor produtivo maranhense, além de fomentar um das potencialidades do Estado. "A instituição deste programa é uma conquista muito importante, fruto de um árduo trabalho que estamos desenvolvendo. A cadeia produtiva do mel fomenta uma das potencialidades do estado, que poderá ser desenvolvida de forma mais intensa e abrangente, tendo também ações de fiscalização e combate de doenças. Temos um equipe muito preparada e continuaremos trabalhando arduamente para garantir bons resultados, esta é uma vitória para o setor produtivo", finalizou.

0 comentários:

Postar um comentário

Nova Rádio Timbira

SuperSportingBet

SuperSportingBet

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog