segunda-feira, 17 de abril de 2017

A Polícia Civil de Campo Grande está no encalço de um comerciante de produtos eletrônicos do interior do Maranhão suspeito de cometer uma série de golpes aplicados em idosos da capital do Mato Grosso do Sul. Segundo a polícia, o maranhense estaria clonando contas bancárias e usando cadastro e número de telefone das vítimas para contratar serviços como televisão a cabo e internet de banda larga.

Nesta semana uma das vítimas registrou boletim de ocorrência contra o maranhense. No relato da idosa, no último dia 7 foi descontado de sua conta bancária no Banco do Brasil o valor de R$ 611,87 para pagamento da parcela de IPVA (Imposto sobre Propriedade de Veículos) de um Toyota Corolla na cidade de Imperatriz, interior maranhense.

A vítima então procurou seu gerente, que lhe informou que estava programado o desconto da quantia de R$ 703,64 para quitar débitos de boletos pré-agendados.

As surpresas para a senhora não pararam por aí. Ao voltar do banco, a operadora de celular ligou para ela e informou que estavam dando sequencia à instalação dos serviços de TV a cabo e internet, mas não quis revelar o endereço.

A polícia acompanha de perto os golpes cometidos. Pelo menos outras duas vítimas foram alvo do comerciante. Investigadores só descobriram a origem do veículo por conta da placa e irão pedir judicialmente os dados de instalação dos serviços da TV a cabo para descobrir os dados do estelionatário.

0 comentários:

Postar um comentário

Nova Rádio Timbira

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog