sexta-feira, 30 de setembro de 2016

O candidato a prefeitura de Carutapera,André Dourado  (PR), realizou na noite de ontem seu último comício antes das eleições municipais do próximo domingo (02).

Mais uma vez uma multidão compareceu ao mega comício realizado na Avenida Padre Mario Racca e André Dourado reforçou suas propostas e projetos para a cidade. “Ao povo de Carutapera só tenho a dizer que procurarei fazer uma gestão transparente, digna de um povo tão carente. Sou Pai, ciente dos problemas que as famílias de Carutapera enfrentam em relação aos seus filhos.Trabalharei no intuito de dá uma qualidade de vida melhor para eles, porque se nossos filhos estão bem a nossa família também está e a nossa cidade está mais segura.”


Confiante na vitória nas urnas, André aproveitou para agradecer a população. “É com muita alegria que fechamos nosso último comício. Agradeço a Deus por me dar essa oportunidade de lutar por Carutapera, aos meus familiares que me apoiam de perto, a cada um de vocês que me recebeu em sua casa com alegria e satisfação, aqueles que estiveram nessa caminhada nos ajudando como pôde, a cada sorriso e abraço, a todos em geral muito abrigada! Faltam apenas 2 dias para confirmamos o 22 nas urnas, vamos que a vitória é nossa!”, disse.



O candidato a prefeitura de Godofredo Viana, Sissi Viana (PSDB) realizou na noite desta quinta (29) um grande comício, o último da campanha municipal 2016. Centenas de pessoas compareceram na Avenida do Aeroporto  para dar apoio ao candidato que reafirmou seu compromisso com a população do município.

Confiante na vitória nas urnas, Sissi Viana aproveitou para agradecer a população. “É com muita alegria que fechamos nosso último comício. Agradeço a Deus por me dar essa oportunidade de lutar por Godofredo Viana, aos meus familiares que me apoiam de perto, a cada um de vocês que me recebeu em sua casa com alegria e satisfação, aqueles que estiveram nessa caminhada nos ajudando como pôde, a cada sorriso e abraço, a todos em geral muito abrigado! Faltam apenas 2 dias para confirmamos 45 nas urnas, vamos que a vitória é nossa!”, disse.

A todos que acreditam na mudança, afirmo, vocês terão uma esperança,” concluiu.
Sissi Viana foi carregado nos braços pelo povo de Godofredo Viana, mais uma prova de que é o favorito e deve vencer e ser o novo prefeito do município.




Nesta quinta-feira, 29, o Candidato Emílio Weba da coligação “Unidos por Presidente Médici” realizou a maior caminhada já visa na história da cidade de Presidente Médici. Mostrando que a população Medicense está com o 65.


Numa campanha limpa, voltada para propostas de melhorias para o município, Emílio, tem a preferência do eleitorado na cidade e deve ser eleito prefeito do município no próximo dia, 02, domingo.

Uma multidão carinhosa acompanhou o candidato pelas ruas da cidade. Nos últimos dias para realização do pleito, a população buscou nas últimas horas o melhor para cidade e fez tamanha demonstração de apoio ao candidato do PCdoB.

Com apoio maciço da população que ontem correspondeu as expectativas durante seu último comício, o período eleitoral, Emílio determinou que na eleição municipal  será difícil a virada do seu opositor.

Emílio traz no sangue a humildade, e leva do povo a simpatia dos povoados e do município em geral, trazendo também em seus ombros o dever de mudar a história de sua gente.

“Agradeço de todo coração tamanha demonstração de carinho, na certeza que a nossa candidatura será vencedora neste domingo. Tamanha demonstração de carinho e apoio torna praticamente impossível, e reversão do nosso quadro eleitoral, e nos dá a certeza da vitória”, garantiu Emílio.
quinta-feira, 29 de setembro de 2016

  •  
14292258_1175209639168449_3746065424255949572_n
O Instituto Prever divulgou dados sobre a disputa eleitoral em Pinheiro. Pelos dados, lidera a corrida pelo comando do município Luciano Genésio (PSDB).
A pesquisa traçou vários cenários colocando os principais postulantes ao cargo de prefeito na disputa e também aferiu a rejeição dos mesmos.
Se as eleições fossem hoje, o candidato Luciano Genésio (PSDB) venceria as eleições com 49%. Em segundo ficaria o atual gestor Filuca Mendes (PMDB) com 27,2%. O candidato do governo do estado, Dr. Leonardo Sá com 13,6%. Não souberam ou não responderam 6,8%. Votos nulo/branco 1,6%.
O instituto também fez o levantamento sobre a rejeição dos candidatos de Pinheiro. Os números mostram que Filuca Mendes tem maior rejeição com 65,4% da opinião dos entrevistados.
Somente 30,9% da população aprovaram. Não souberam ou não responderam 3,7%. A pesquisa foi realizada no dia 24 a 26 de setembro e foi registrada na Justiça Eleitoral sob número MA-00961/2016. A margem de erro foi de 4,5% para mais ou para menos.

pesquisa-pinheiro-ma-estimulada
lourivalO presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Maranhão, desembargador Lourival Serejo, fez ontem (28) um elogio público à conduta de blogueiros na cobertura das eleições municipais deste ano.
Durante coletiva realizada na sede do TRE-MA, ele agradeceu o apoio da imprensa e destacou, especificamente, o trabalho dos titulares de blogs, que, para ele, “prestaram serviço” à população.
“Nossos agradecimentos à imprensa do Maranhão, que nestas eleições prestou uma contribuição muito grande para nós. Não tivemos reclamações. Inclusive os blogueiros se comportaram de forma que não ensejou nenhum pedido de ações contra eles e nem prestaram desserviço fazendo alarde de informações que causassem alguma polêmica e desconforto na Justiça Eleitoral”, disse.
É isso aí…


O candidato à reeleição de prefeito de Santa Helena, Dr. Lobato (PPS) deu mais uma demonstração de força nesta reta final da campanha ao comandar uma passeata histórica com mais de 10 mil pessoas, ontem, quarta-feira, 28.

As imagens a seguir não deixam dúvidas que Santa Helena já se decidiu: é Dr. Lobato-23!


Confira:



O clima de violência tem assombrado vários candidatos que disputam cargos eletivos no interior do Maranhão. Várias ocorrências já foram registradas em diversas cidades.

Ontem, no povoado Bacuri da Linha localizado no município de Olho D’água das Cunhãs o candidato a vice-prefeito Alex Chicão sofreu uma tentativa de homicídio.


Alex Chicão é candidato a vice de Glauber Azevedo pela coligação “Olho D’Água para todos”. Ele teve seu veículo crivado de balas sendo atingido com um tiro no braço.

A vítima vinha do povoado Satuba do Barreiro na companhia do candidato a prefeito Glauber Azevedo. A hilux de placa KHV 1606 foi alvejada pelos criminosos.


Glauber Azevedo só não foi vítima da emboscada pelo fato de ter ficado na cidade organizando o comício de hoje.

A vítima revelou que quando voltava pela estrada avistou um veículo parado, onde de imediato saiu um homem encapuzado e começou a atirar na direção do veículo.

De acordo com relatos, os tiros eram direcionados ao banco do passageiro onde o candidato a prefeito Glauber Azevedo costumava ir.


Após ser atingido, Alex Chicão saiu correndo do carro e fugiu pelo matagal. O candidato relatou que a pessoa dizia “atira,atira,atira”.

Forças policiais do estado do Maranhão já foram acionadas para investigar o caso e reforçar a segurança no município.


quarta-feira, 28 de setembro de 2016


A Polícia Civil, sob o comando do delegado Fábio Brito de Amaral, apreenderam um avião CESNA 210 por volta de 13h desta terça-feira (27), na cidade de Passagem Franca.

A ‘operação Santos Dumont’ foi deflagrada em cumprimento a mandado de busca e apreensão já que haviam sido passadas informações de que a aeronave, de propriedade de Juarez Alves da Silva, conhecido como ‘Miliao’, estava vindo da cidade de Itaituba/PA com grande quantidade de dinheiro.


Na operação foi apreendida a quantia de R$ 50.000,00 em espécie em poder do referido proprietário. No embrulho com papel do Banco do Brasil continham maços de cédulas de de 100, 50 e 20 reais.

O mandado foi expedido após denúncia recebida pelo Ministério Público local e, suspeitava-se que a referida quantia seria possivelmente utilizada para a compra de votos no município de Lagoa do Mato-MA.

O proprietário do avião foi conduzido à delegacia de Passagem Franca e liberado após sua oitiva, mas o dinheiro foi apreendido.

A polícia prossegue com as investigações para saber quem seria o destinatário do dinheiro e se a quantia iria ser usada para comprar de votos.

A operação contou também com a colaboração do delegado João Marcelino, titular da delegacia da cidade de Paraibano, dos investigadores Glauber, Roger e Rafael, com o apoio do Ministério Público Eleitoral da 44ª Zona.
Incêndio registrado na Vila Conceição, Coroadinho

A Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), por meio da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic), confirma os incêndios a ônibus nos bairros Coroadinho e Tibiri, além da tentativa frustrada no Bairro de Fátima. A SSP ressalta que não houve vítimas e que a Polícia já está nos locais realizando a perícia.

A Polícia Civil já prendeu quatro suspeitos com drogas e um galão vazio, no bairro Liberdade, que estão sendo autuados em flagrante na SEIC. A SSP destaca, ainda, que as Forças de Segurança Pública permanecerão com atuações estratégicas de policiamento ostensivo e preventivo a fim de frustrar a atuação criminosa e assegurar que todos os suspeitos sejam presos e punidos no rigor na lei.

A Secretaria informa que as Polícias Civil e Militar estão mobilizadas e nas ruas e orienta que os cidadãos não espalhem mensagens falsas, originadas de boatos de redes sociais e/ou similares. Ressalta, ainda, que informações que ajudem a polícia no combate ao crime podem ser repassadas por meio do número do aplicativo Whatsapp (98) 9.9163.4899 e pelo aplicativo “Byzu”, compatível com todos os sistemas operacionais.

Nota Oficial – Governo do Maranhão
terça-feira, 27 de setembro de 2016
Foto Reprodução

A partir desta terça-feira (27), cinco dias antes do primeiro turno das eleições de 2016, nenhum eleitor pode ser preso ou detido, a não ser em flagrante ou para cumprimento de sentença criminal. Segundo o calendário eleitoral, essa garantia é válida até 48h após o pleito – ou seja, até a terça-feira (4), às 17h.

A regra está prevista no artigo 236 do Código Eleitoral e tem como objetivo garantir o exercício do direito do voto pelo maior número possível de pessoas sem ameaças ou pressões indevidas.

O artigo diz que “nenhuma autoridade poderá, desde 5 dias antes e até 48 horas depois do encerramento da eleição, prender ou deter qualquer eleitor, salvo em flagrante delito ou em virtude de sentença criminal condenatória por crime inafiançável, ou, ainda, por desrespeito a salvo-conduto”.

Caso alguma prisão ocorra, o preso deverá ser “imediatamente conduzido à presença do juiz competente que, se verificar a ilegalidade da detenção, a relaxará e promoverá a responsabilidade do coator”.

No segundo turno, que será no dia 30 de outubro, a garantia da não-prisão começa a valer em 25 de outubro e se encerra na terça-feira, dia 1º de novembro.

Do G1 SP, com informações do TSE

Bancários realizam atos em diversas agências da capital

Após 21 dias de greve forte, a Fenaban marcou nova rodada de negociação que está sendo realizada nesta terça-feira (27) em São Paulo. A última proposta apresentada pelos banqueiros, no dia 9 de setembro, foi de reajuste de 7% e abono de R$ 3.300,00. Ela foi rejeitada ainda na mesa de negociação.

Hoje (27), os bancários realizaram ato público na agência do Itaú, no Renascença, onde cobraram uma proposta digna dos banqueiros, que atenda às reivindicações da categoria. Ontem a categoria promoveu ato público realizado em frente ao Bradesco da Avenida Magalhães de Almeida, no Centro de São Luís.

Os bancários maranhenses reivindicam 28,33% de aumento, PLR de 25% do lucro líquido linear, contratações, isonomia, segurança, fim do assédio moral e das demissões imotivadas.

Ontem, 13.420 agências e 33 centros administrativos tiveram as atividades paralisadas no país. O número representa 57% das agências de todo o Brasil.
Houve uma tentativa no Bairro de Fátima e um incêndio criminoso no Coroadinho
Houve uma tentativa no Bairro de Fátima e um incêndio criminoso no Coroadinho
Dois ônibus sofreram ataques na noite desta terça-feira (27) em São Luís. O primeiro foi apenas uma tentativa de incêndio no Bairro de Fátima, quando vândalos chegaram a jogar combustível no interior do veículo mas não atearam fogo.  A ação foi frustrada por que policiais teriam trocado tiros com os marginais que estavam em duas motos de placas não identificadas  e fugiram do local. Os galões de gasolina ficaram dentro do coletivo e outros dentro de uma mochila abandonada pelos meliantes.
O segundo foi na Vila Conceição, no Coroadinho, no ponto final no Alto Sebastião. Um ônibus que fazia linha V.Conceição/Beira Mar foi completamente destruído por marginais que o incendiaram.
O Corpo de Bombeiros foi acionado para debelar o fogo e policiais militares estão à caça dos bandidos.


Via Minard

A cinco dias da eleição o candidato a prefeito do município de Presidente Médici, Emílio Weba (PCdoB) 65 da coligação "Unidos por Presidente Médici", lidera a pesquisa Escutec de intenções de votos divulgada hoje (27) com exclusividade por o Estado.
Weba possui 54,3% da preferência do eleitorado e uma margem de 12,3 pontos percentuais sobre a sua adversária: Ivone do Antonio da Paraense (PSD).



A candidata, da coligação "Retornando ao trabalho ao lado do Povo", possui 42,0% das intenções de voto. Neste cenário apresentado pelo instituto, 3,7% dos entrevistados não souberam ou não responderam a pergunta.


A pesquisa Escutec de intenções de votos do município de Presidente Médici, foi registrada na Justiça eleitoral sob o protocolo MA-02161/2016, ouviu 300 eleitores entre os dias 21 e 22 deste mês.

O levantamento possui intervalo de confiança estimado em 95% e margem de erro de 5 pontos percentuais para mais ou para menos.


Houve filtragem em 100% dos questionários aplicados.
Ivone fica a frente de Emílio somente na rejeição!
Portanto venha participar da vitória 65 e traga mais UM





O candidato a Prefeito de Carutapera André Dourado 22 realizou nesta segunda-feira (26) mais um grande comício na zona rural,desta vez em Livramento, oportunidade em que estiveram presentes apoiadores, candidatos a vereador pela coligação "Carutapera de Volta ao Progresso" e uma multidão apaixonada que acompanhava cheia de otimismo o candidato. 

Em um discurso emocionante o vice prefeito Milton Maia desabafou sobre os descasos e abuso de poder que a atual gestão faz com os funcionários públicos, “ a ditadura já acabou no Brasil, mas em Carutapera ainda existe, o prefeito e os seus subordinados humilham e coagem os servidores a apoiá-los na base da força e chantagem, quem não reza da cartilha deles sofre represálias, mas a partir de janeiro isso vai mudar com André Dourado na Prefeitura “, garante Milton.

André Dourado fez um discurso enfático, cheio de projetos e planos de governo que venham beneficiar a população . “ Com ajuda de Deus e do povo carutaperense, vamos fazer uma Carutapera mais feliz, para cada ofensa que os meus opositores venham fazer contra o nosso nome, eu contra-ataco com uma proposta de governo. Prefeito de verdade governa para o povo, não para si. Por isso creio que comigo Carutapera vai crescer”, Declara, André Dourado .

Devido à situação precária nas instalações das escolas da rede municipal de São Vicente Férrer, o Ministério Público do Maranhão (MPMA) ajuizou, em 14 de setembro, 14 Ações Civis Públicas (ACPs) de obrigação de fazer, com pedido de tutela antecipada, contra o Município, com objetivo de obrigar o Poder Executivo a reformar as unidades escolares.

A promotora de justiça Alessandra Darub Alves pediu à Justiça que determine a reforma na Unidade Escolar Atanásio (Povoado São Francisco dos Arouchas); Ciriaco Gaspar (Povoado Poleiro); Castro Alves (Povoado Guará); São Joaquim (Povoado São Joaquim); Cônego Albino Campos (Povoado Florência); Pascoal (Povoado Pascoal); Cantanhede (Povoado Cantanhede); João Marques Figueiredo e Santa Rosa II (Povoado Santa Rosa); São João Evangelista (Povoado Piçarra); Félix da Rocha (Povoado São Marcos); São Marquinhos (Povoado São Marquinhos); Raimundo Gomes da Costa e Escola Tia Ducarmo, na sede do município.


Nas ações, o MPMA destaca que, desde outubro de 2015, está investigando o problema e tentando solucionar a questão de forma extrajudicial com a Prefeitura de São Vicente Férrer.

Em fevereiro deste ano, a prefeita e o secretário de Educação informaram que seriam reformadas, inicialmente, 20 escolas, a partir de julho. Em março, a Promotoria de Justiça expediu ofícios aos representantes do Poder Executivo solicitando a cópia do relatório de engenharia sobre as condições das escolas e o processo licitatório.

INSPEÇÕES

O Ministério Público realizou inspeções e constatou que apenas quatro escolas foram reformadas. “Grande parte das escolas de São Vicente Férrer está com a estrutura precária, sendo visíveis rachaduras nas paredes, telhado comprometido e, por consequência, é grande o risco de desabamento, o que poderá levar a uma tragédia envolvendo crianças e adolescentes”, afirmou Darub.


O MPMA pediu a concessão de tutela antecipada para que o Município, representado pela prefeita Maria Raimunda Araújo Sousa, seja obrigado a concluir as reformas em 60 dias, incluindo serviços na estrutura dos imóveis, paredes, reboco, pintura, substituição do piso, instalações elétricas e hidráulicas.

A Promotoria de Justiça também requer que a Prefeitura apresente o contrato para reforma das escolas e cronograma de execução das obras.
segunda-feira, 26 de setembro de 2016


Com a chegada das eleições municipais, as casas legislativas devem estar atentas ao mandamento constitucional para a fixação da remuneração aos futuros eleitos. De acordo com o art.29 da Constituição Federal de 1988, é de iniciativa da Câmara Municipal o Projeto de Lei que fixa os subsídios do prefeito, do vice-prefeito e dos secretários municipais, observando-se o que dispõem os arts. 37, XI, 39, § 4º, 150, II, 153, III, e 153, § 2º, I, também da Constituição Federal de 1988. 

A fixação do subsídio dos vereadores, prefeitos, vice-prefeitos e secretários deve ser realizada ao final de cada legislatura, para vigorar na subsequente, até a data do primeiro turno das eleições municipais, sob pena de violação dos princípios da anterioridade, impessoalidade e moralidade. A Lei Orgânica do município pode fixar prazo inferior para a fixação do subsídio dos vereadores. 

De acordo com o Coordenador de Assistência aos Municípios do Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia (TCM-Ba), Antônio Dourado Vasconcelos, não foi expedida nenhuma nova instrução sobre o assunto e estará vigente a Instrução Normativa nº 001/2012 no Estado. 

O subsídio deverá ser fixado em parcela única, vedado o acréscimo de qualquer gratificação, adicional, abono, prêmio, verba de representação ou outra espécie remuneratória, sob pena de violação aos preceitos legais.

Neste ano, as eleições municipais acontecerão no dia 02 de outubro. Ou seja, as leis devem estar aprovadas e publicadas no Diário Oficial até o dia 30/09. Atenção ao prazo!



Duas pessoas foram mortas carbonizadas dentro de um veículo Vectra, placa JFO-1400, de Imperatriz, na tarde de domingo (25).

Pelas informações de moradores, seis criminosos seriam os responsáveis pelo incêndio do veículo na estrada de acesso ao povoado Cordeiro, na cidade de Pio XII. Os criminosos fugiram pela BR-316, no sentido da cidade de Bacabal.

A Polícia Militar de Pio XII foi acionada por volta das 14h e o incêndio foi apagado com a ajuda do carro pipa da Fazenda Maratá. O crime tem características de acerto de contas e queima de arquivo.

A polícia acredita que as duas vítimas foram levadas para o local já sem vida. Até o momento, a polícia não conseguiu localizar o proprietário do veículo.

Acredita-se que a identificação das vítimas seja feita através de exame de DNA, pois os corpos foram consumidos pelo fogo.


salvo
Ex-ministro, Antonio Palocci
Ex-ministro, Antonio Palocci
O ex-ministro da Fazenda e da Casa Civil Antonio Palocci foi preso na manhã desta segunda-feira por policiais federais que cumprem mandados de prisão pela 35ª fase da Operação Lava-Jato, batizada de “Omertà”. A prisão de Palocci aconteceu em São Paulo.
Outros dois assessores de Palocci também tiveram suas prisões temporárias confirmadas. São eles Juscelino Dourado, ex-chefe de gabinete do então ministro da Fazenda, e Branislav Kontic.
Palocci é mais um dos ex-ministros do governos Lula e Dilma a ser preso pelos agentes na operação. Na semana passada, Guido Mantega foi detido na 34ª fase da Lava-Jato, batizada de Arquivo X. O ex-ministro da Fazenda de Lula e Dilma foi solto no mesmo dia, algumas horas depois, por meio de uma decisão de ofício do juiz Sérgio Moro.
Palocci foi ministro da Fazenda do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e ministro da Casa Civil na gestão de Dilma. Era um dos coordenadores da campanha do PT à Presidência e mantinha um escritório de consultorias.
Foram expedidos 45 mandados judiciais, sendo 27 de busca e apreensão, três de prisão temporária e 15 de condução coercitiva em São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Bahia, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e no Distrito Federal. Aproximadamente 180 policiais participam da operação.
A atual fase investiga indícios de uma relação criminosa entre Palocci com o comando da principal empreiteira do país, a Odebrecht, de acordo com a Polícia Federal. Segundo a PF, o investigado principal teria atuado diretamente como intermediário do grupo político do qual faz parte, gerando benefícios “vultosos” em valores ilícitos.
Uma das linhas de investigação apura as tratativas entre o Grupo Odebrecht e o ex-ministro para a tentativa de aprovação do projeto de lei de conversão da MP 460/2009 (que resultaria em imensos benefícios fiscais), aumento da linha de crédito junto ao BNDES para país africano com a qual a empresa tinha relações comerciais, além de interferência no procedimento licitatório da PETROBRAS para aquisição de 21 navios sonda para exploração da camada pré sal.
‘Italiano’ nas planilhas da Odebrecht
Outro núcleo da investigação apura pagamentos efetuados pelo chamado setor de Operações Estruturadas do Grupo Odebrecht para diversos beneficiários que estão sendo alvo de medidas de busca e condução coercitiva. Em planilhas do setor, que funcionava como uma “diretoria de propinas” da empresa, e em e-mails de Marcelo Odebrecht para executivos, Palocci era identificado com o codinome “italiano”.
Considerada uma das mais contundentes provas sobre o pagamento de propina a gentes políticos pela empreiteira, uma tabela nomeada “posição-italiano” foi encontrada na caixa de e-mail do ex-diretor da Odebrecht, Fernando Migliaccio no curso da Lava-Jato.
O documento traz um balanço de como foram repassados, entre 2008 e 2012, cerca de R$ 200 milhões a projetos como as eleições municipais de 2008, a disputa presidencial em El Salvador e valores pagos a JD, que a PF acredita ser Dirceu, e a João Santana.
A planilha termina indicando haver, em 2012, um saldo de R$ 79 milhões. A curto prazo, R$ 6 milhões estariam comprometidos com “Itália” – referência a Palocci – e R$ 23 milhões com o “amigo”, não identificado na tabela. Os demais R$ 50 milhões iriam para o “pós-Itália”.
Em depoimento de tentativa de delação premiada não consumada, realizado em abril deste ano, a mulher do marqueteiro do PT, Monica Moura, contou à Lava-jato quem era o “italiano” da tabela encontrada pela PF.
Na época, Palocci alegou não ter “qualquer relação com a tabela” de Migliaccio. Em nota divulgada na ocasião, o petista disse ver “com muita estranheza que seja atribuído a si o codinome ‘italiano’, já que este apelido foi vinculado a várias outras pessoas em materiais apreendidos pela PF”.
Máfia Italiana
Segundo a Polícia Federal, a nova fase da Lava-Jato foi batizada como “Omertà” por dois motivos. O primeiro seria uma referência à origem italiana do codinome usado pela Odebrecht para designar Antonio Palocci(“italiano”). De origem napolitana, a palavra “omertà” define o código de honra de organizações mafiosas do sul da Itália. Ao escolher o nome, a PF faz referência ao que seria um “voto de silêncio que imperava no Grupo Odebrecht”, remetendo à “postura atual do comando da empresa que se mostra relutante em assumir e descrever os crimes praticados”.
O Globo
Via Blog do Luis Cardoso

Tim Ribeiro, prefeito afastado de Santa Rita por corrupção e desvios de recursos públicos para enriquecimento do patrimônio pessoal, deixou de lado a política de sua cidade e passou a investir com muito dinheiro na candidata comunista Karine Andrade (foto) no município de Godofredo Viana. Uma empresa enrolada nas negociatas e escândalos promovidos por Tim Ribeiro é de propriedade do marido da candidata. Portanto, a população de Godofredo Viana que fique alerta para não acontecer neste município o que ocorreu em Santa Rita.

Karine Andrade (PCdoB)


Em gasto milionário feito pelo prefeito afastado, a empresa Ramos França Ltda, pertencente ao marido de Karine, embolsou a quantia de mais de R$ 1,2 milhão com locação de máquinas pesadas.

O grande problema é que estas máquinas que seriam locadas durante este ano são fantasmas, de acordo com denúncias feitas ao Blog.

E mais: a empresa contratada, a Construtora Ramos França Ltda, de propriedade Walter França Silva Júnior, que vem a ser irmão do vereador Pretinho, e nunca disponibilizou uma máquina à serviço do município. Pretinho não pode disputar a reeleição e ficou inelegível,

Abaixo a resenha do contratos entre a prefeitura de Santa Rita e a empresa de Júnior França:



Então, como não pode mais fazer parte da política de Santa Rita, onde ficou rico da noite pro dia, agora Tim Ribeiro quer eleger Karinne Andrade para mandar nos cofres públicos de Godofredo Viana. Há informações de que ele, em caso da comunista se eleger, será o secretário de Finanças daquela cidade.

O desespero começa a tomar conta do prefeito de Mirinzal – Amaury Santos Almeida(PDT), candidato à reeleição pela Coligação “Pra fazer muito mais”. Na início da tarde desta sexta-feira(23), em um completo momento de insanidade, o prefeito acabou agredindo, com um tapa no rosto, o comerciante Ednaldo Lemos Abreu.

O incidente, conforme vídeo abaixo – ocorreu em frente à casa da vítima, na localidade Tungo, na área urbana do município. De acordo com a vítima, pasmem senhores, a agressão ocorreu no exato momento em que o prefeito foi cobrar o ressarcimento de R$1.000,00 reais dado em troca de apoio político.

No relato feito na delegacia, o comerciante afirmou que o valor acordado fora de R$3.000,00(três mil), mas como menos de 50% foi pago, este decidiu declarar apoio ao concorrente, o que causou a ira do prefeito Amaury.

“Como ele não cumpriu o acordado, decidir declarar apoio ao 40, e quando o prefeito soube resolveu me procurar para que devolvesse o que já havia sido pago. Durante a conversa, os ânimos ficaram exaltados e depois de me chamar de vagabundo, ameaçar de mandar destruir minha casa e o meu bar, localizados na praia de Pericaua, ele ainda me agrediu com um tapa no rosto”, relatou a vítima na ocorrência policial registrada na delegacia do município.
thumbnail_2016-09-23-photo-00000173
Eleitor agredido




Decisão assinada pelo juiz Douglas de Melo Martins, titular da Vara de Interesses Difusos e Coletivos de São Luís, proíbe a realização de saques “em espécie” – os chamados “saques na boca do caixa” – no Banco do Brasil e Bradesco, por parte de gestores de contas públicas em contas referentes a recebimentos de verbas orinundas de convênios e outros repasses do Estado do Maranhão. De acordo com a decisão, também fica proibida qualquer transferência de valores mantidos nas referidas contas “para a conta única do Tesouro Municial, Tesouro Estadual ou quaisquer outras contas de titularidade de municípios maranhenses e do Estado”, bem como “operações como emissão de TED’s, DOC’s e transferências com destinação não sabida e movimentações por meio de rubricas genéricas, como ‘pagamento a fornecedores’ e ‘pagamentos diversos’.

Na decisão, o juiz determina ainda que os recursos oriundos de repasses do Estado do Maranhão aos municípios sejam mantidos apenas nas respectivas contas específicas, devendo ser “retirados exclusivamente mediante crédito em conta corrente das pessoas que receberem os valores, as quais devem ter seus nomes, conta bancária e CPF/CNPJ identificados pelo banco, inclusive no corpo dos extratos”. Cabe aos bancos fornecer, mediante simples requisição ministerial ou de outros órgãos de controle estatais e dentro do prazo que lhes for consignado, as informações sobre movimentações em contas bancárias de titularidade do Estado, dos municíos e de qualquer de seus órgãos, consta das determinações. A multa diária em caso de descumprimento das determinações é de R$ 10 mil.

A decisão atende a pedido de Tutela de Urgência requerido pelo Ministério Público do Estado do Maranhão em desfavor dos citados bancos (Banco do Brasil e Bradesco) para o cumprimento de obrigação de fazer consistente nas determinações acima especificadas. Na ação, o MPE destaca, entre outras coisas, “a forma mais comum de escamotear a gestão irregular de recursos” representada pelos chamados “saques na boca do caixa” e a “imensa dificuldade de recuperar ativos desviados”. Segundo o autor da ação, a ideia não é impor aos bancos réus que fiscalizem a aplicação das verbas públicas, mas somente que as instituições bancárias não permitam o tipo de saque citado (boca do caixa) e “nem o envio de valores das contas específicas para outras contas do próprio Município (ou do gestor) ou para pessoas não identificadas”

Transparência – Douglas de Melo inicia as fundamentações destacando a razoabilidade das pretensões jurídicas do autor que, segundo ele (magistrado) “decorre de todo um sistema juridico de proteção da res publica” (coisa pública), estabelecido a partir do artigo 1º da Constituição Federal. E acrescenta: “Os artigos 37 e 70 da Constituição da República, outrossim, reafirmam a obrigação do Estado com a publicidade, transparência, moralidade, controle e com o dever de prestar contas na administração de recursos públicos”. Para o juiz, os citados preceitos constitucionais “indicam que o modelo político adotado pela sociedade brasileira não admite como válida, do ponto de vista jurídico, qualquer prática, comissiva ou omissa, tendente a vilipendiar o direito a uma Administração de recursos públicos transparente, eficaz e honesta”.

O juiz ressalta ainda “a administração eficiente e eficaz, proporcional cumpridora de seus deveres, com transparência, motivação, imparcialidade e respeito à moralidade, à participação social e à plena responsabilidade por suas condutas omissivas e comissivas”, preconizada na Carta dos Direitos Fundamentais da União Europeia que, segundo o magistrado, norteia a Constituição Federal.

Na visão do magistrado, na administração pública a regra é a mais absoluta transparência no que tange à aplicação dos recursos públicos, “desde o financiamento das mais vultosas obras e aquisição de produtos de alto valor, até o pagamento de uma diária a um servidor público. Em tema de corrupção “o melhor detergente é a luz do sol”, defende, citando Louis Brandeis, ministro da Suprema Corte americana.

Para Douglas de Melo, embora não seja a solução para o fim dos desvios de recursos públicos, a proibição dos “‘saques na boca do caixa’, a determinação para que os recursos provenientes de repasses e convênios sejam mantidos nas contas específicas, evitando-se assim que se misturem com verbas de origem diversa, e a correta identificação dos recebedores de pagamentos são mecanismos de controle valiosos na prevenção desse tipo de corrupção”.

Participação efetiva nos mandatos – Na visão do magistrado, como bem ressalou o MPE, não se trata de impor aos bancos a obrigação de fiscalizar a correta apicação dos recursos públicos, mas de as instituições bancárias adequarem seus sistemas internos de modo a impedir o direcionamento dos recursos repassados para contas diversas daquelas titularizadas por fornecedores e prestadores de serviços contratados pelo Estado e pelos municípios”.

O juiz alerta ainda que, por não permitirem a comprovação de que o dinheiro foi destinado ao fim que motivou a despesa, os chamados “saques na boca do caixa” são uma forma comum de desvio de verbas públicas.

Sobre o acesso às informações de contas públicas de titularidade do Estado, municípios e outros entes públicos por parte do MPE e orgãos de controle estatais, o magistrado afirma que, na democracia, com vista ao melhor exercício do direito ao voto e da participação efetiva nos mandatos, “os cidadãos precisam estar devidamente informados sobre a gestão dos recursos públicos, dentre as quais inclui-se o resultado das apurações feitas pelos órãos de controle sobre o uso do dinheiro público pelo gestor”, conclui.
  •  
vinhais 5
O candidato do PP à Prefeitura de São Luís, Wellington do Curso, faz um desafio público ao prefeito, em sua atual propaganda eleitoral na televisão.
– Edivaldo, não fuja. Não se esconda das responsabilidades. Venha debater comigo – provoca Wellington, criticando a fuga do prefeito do debate da TV Gauará.
Afirmando estar preparado para o debate com o prefeito, Wellington lembra que o candidato do PDT se escondeu durante três anos atrás do comando da prefeitura, e agora se esconde, também, de dar respostas ao povo.
A partir desta segunda-feira, 26, dois debates ainda estão previstos nas emissoras de TV.
No dia 27, terça-feira, será o debate da TV Difusora; doi dais depois, o confronto é na TV Mirante, encerrando a propaganda eletrônica na campanha, a três dias do pleito.
– É hora de o eleitor saber quem foge das responsabilidades e quem tem atitude em seu favor –pregou o candidato do PP.
Edivaldo já confirmou presença na Difusora  na Mirante…
Blog do Marco D’Eça

‘Nota de corte’ exige de candidato ao menos 10% do quociente eleitoral.Regra aprovada em 2015 será aplicada pela primeira vez neste ano.




Fernanda Calgaro

Do G1, em Brasília



Uma mudança na legislação aprovada pelo Congresso na reforma eleitoral do ano passado – e que será aplicada pela primeira vez na eleição deste ano – estipulou uma espécie de “nota de corte”, diferente em cada cidade, para um candidato a vereador se eleger.

Pela nova regra, os candidatos a deputado federal, deputado estadual e vereador necessitarão obter, individualmente, um total de votos de pelo menos 10% do quociente eleitoral, que é calculado dividindo-se o número de votos válidos da eleição (sem brancos e nulos) pelo número de cadeiras disponíveis na Câmara dos Deputados, na Assembleia Legislativa ou na Câmara Municipal.

COMO É FEITO O CÁLCULO>> Ao final do primeiro turno, a Justiça eleitoral apurou que houve 100 mil votos válidos (excluídos brancos e nulos) no município hipotético de Campo Feliz.
>> Com base nesse número, calcula-se o quociente eleitoral, que determina o mínimo de votos que um partido ou coligação necessita para conseguir vagas na Câmara Municipal de Campo Feliz. Esse quociente é calculado pela divisão do número de votos válidos pelo total de vagas que existe na Câmara.
>> A Câmara de Campo Feliz tem 10 vagas de vereador. Portanto, para ter direito a uma vaga, um partido ou coligação necessita de pelo menos 10 mil votos (somados os votos individuais em candidatos e os votos dados à legenda).
>> A novidade introduzida pela reforma eleitoral de 2015 é que, no exemplo de Campo Feliz, mesmo que o partido tenha alcançado os 10 mil votos, só poderá preencher a vaga se um dos candidatos a vereador desse partido tiver conquistado mil votos (10% do quociente eleitoral) ou mais.
>> Se o partido não tiver um candidato com o mínimo de votos exigido, essa vaga é transferida a outro partido ou coligação após novo cálculo.



Isso está fazendo com que, na campanha deste ano, partidos peçam aos seus eleitores para que abandonem a prática do voto de legenda (aquele em que o eleitor vota só no partido e não especificamente em um candidato) – leia mais abaixo.

O voto de legenda se soma aos votos que os candidatos obtêm individualmente para fins de se calcular o quociente partidário, que determina o número de vagas na Câmara Municipal ao qual o partido (ou coligação) terá direito – para isso, divide-se o número de votos válidos que o partido ou coligação obteve pelo quociente eleitoral.

Com a mudança introduzida pela reforma eleitoral do ano passado, o voto na legenda contribui para o quociente partidário, mas não ajuda os candidatos a vereador, individualmente, a alcançar os 10% do quociente eleitoral.

Um exemplo: se em determinado município, houve 100 mil votos válidos na eleição, e as cadeiras em disputa na Câmara são 10, o quociente eleitoral é 10 mil.

Nessa hipótese, com a nova regra, o candidato precisa de pelo menos mil votos (10% de 10 mil) para ter chance de se eleger.

Assim, se um partido recebeu 50 mil votos (somados os votos em candidatos e na legenda), e o quociente eleitoral é 10 mil, o resultado da conta dá 5. Portanto, o partido terá direito a cinco vagas.

Se, por hipótese, o quarto e o quinto colocados desse partido não alcançaram, na votação individual, 10% (mil votos) do quociente eleitoral (10 mil votos), o partido perderá essas duas vagas e ficará somente com três.

Nesse caso, a Justiça Eleitoral fará um novo cálculo, e as duas vagas serão transferidas para outro partido ou coligação cujos candidatos cumpram o requisito.


A mudança na lei também tira força dos chamados “puxadores” de voto, candidatos que, sozinhos, têm grande votação e acabam garantindo ao partido (ou coligação) outras vagas além da sua própria.

Se a nova regra estivesse em vigor na eleição de 2014, que escolheu os atuais deputados federais, a bancada de São Paulo do PRB teria ficado com duas vagas a menos.

Naquela eleição, o quociente eleitoral para os candidatos a deputado federal de São Paulo era 303.803 votos. No total, o PRB paulista obteve 2,24 milhões de votos, dos quais 1,5 milhão (68%) foram dados ao deputado Celso Russomanno, o mais votado do Brasil.

O desempenho de Russomanno permitiu que a bancada paulista do partido conquistasse oito vagas na Câmara dos Deputados, já que o quociente eleitoral não foi alcançado por nenhum dos outros sete eleitos – o segundo colocado do partido, Antonio Bulhões, por exemplo, obteve 137 mil votos.

Na hipótese de que a regra atual estivesse em vigor naquela eleição, dos oito eleitos por São Paulo, o PRB perderia dois – os deputados Marcelo Squassoni (eleito com 30.315 votos) e Fausto Pinato (22.097 votos), que não teriam atingido os 10% do quociente eleitoral (o correspondente a 30.380 votos).

Estratégia divide partidos

A uma semana da eleição, a questão divide as siglas sobre qual estratégia adotar: alertar o eleitor para priorizar o voto em candidatos e não na legenda ou não fazer alarde a fim de não desestimular os candidatos.

Alguns partidos, como o PSOL, estão incentivando os eleitores a votar diretamente em um candidato e não optar pelo voto na legenda.

O deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ) publicou na última sexta-feira (23) um vídeo no Facebook explicando a nova regra e pedindo aos eleitores para não votar na legenda.

“Em todas as eleições, o PSOL recebe muitos votos de legenda para vereador […]. Contudo, dessa vez, eu quero pedir a você que não faça isso. Escolha um/a candidato (a) a vereador (a) do PSOL e vote o número completo”, escreveu.

O líder do PSOL na Câmara, deputado Ivan Valente (SP), explicou que o objetivo da orientação do partido é justamente ampliar o número de votos em candidatos individualmente. “Estamos pedindo para votar nos vereadores porque temos que alcançar também um novo quociente”, disse.

Crítico a essa mudança na legislação, o deputado Ronaldo Fonseca (PROS-SP), líder da sigla na Câmara, observa que a questão vai no sentido contrário ao que se pretende.

“Em vez de privilegiar as ideias do partido, o eleitor é obrigado a escolher um candidato”, avalia.

Fonseca conta que o PROS preferiu não fazer alarde sobre essa linha de corte para os candidatos a fim de, segundo ele, não desestimular quem tem chance menor de se eleger.

“É uma faca de dois gumes. Se chamarmos atenção para isso, os candidatos menores vão acabar desestimulados porque vão ver que não terão chance. Não queremos desestimulá-los”, diz Fonseca. “Essa regra vai beneficiar partido grande. Só vai ficar peixe grande”, declarou.

O PPS não tem dado muito destaque na campanha para essa alteração na legislação, segundo o deputado Rubens Bueno (PPS-PR), líder da bancada na Câmara.

Ele disse, porém, que pretende procurar a direção do partido para alertar sobre o impacto do voto de legenda sobre as candidaturas dos menos conhecidos.

Sobra de vagas
Como o resultado dos cálculos para se determinar o total de vagas por partido geralmente produz números quebrados, acabam sobrando algumas vagas, distribuídas entre os partidos que asseguraram cadeiras na Câmara Municipal.

Para isso, é feito um novo cálculo, e o partido ou coligação com a maior média preenche a vaga, o que já acontecia em eleições anteriores. A diferença é que, agora, para conseguir ocupar essa vaga remanescente o candidato necessita ter o percentual mínimo de 10% do quociente eleitoral
E o período eleitoral no interior do Maranhão segue com marcas de faroeste.

Nesta segunda-feira (26) foi registrado mais um ataque a tiros que pode ter relação com as eleições.

Em Capinzal do Norte, a casa do atual prefeito, Roberval Campelo, candidato à reeleição, foi alvejada a tiros durante a madrugada.

É o segundo atentado do tipo na região em menos de uma semana. Na quarta-feira da semana passada (21), a casa do juiz Clênio Lima Corrêa, titular da Comarca de São Domingos do Maranhão, também foi atingida à bala.

O caso ganhou contornos políticos depois de a polícia conduzir para depoimentos adversários do atual prefeito, Kléber Tratorzão (reveja), que apoia o comunista Edson do Totonho.

Via Gilberto Lêda
domingo, 25 de setembro de 2016

O candidato à prefeito de Godofredo Viana,Sissi Viana 45  e a vice Lindalva Severo passaram o dia visitando os moradores do Bairro do Alegre,aurizona e Santa Maria nesta segunda feira (19) e a noite realizaram uma grande reunião em frente a casa do amigo Galo Branco,no Bairro do Alegre, com a presença de vários líderes político e a alegria do nosso povo que está contagiando a campanha do 45.

Sissi Viana 45 e Lindalva  conheceram de perto a realidade dos jovens dos Bairros e do Distrito de Aurizona e assumiram o compromisso com a juventude em trazer um Programa de Qualificação da juventude para o mercado de trabalho através de cursos profissionalizantes básicos de curta duração e também criar o Programa Vestibulando – Programa de promoção de cursinho preparatório para o Exame nacional do ensino médio e vestibular. O Bairro do Alegre acredita e confia, só vai dar Sissi Viana 45.

Amós Fernandes desapareceu hoje pela manhã


Amós Fernandes (FOTO) é bacharel em Direito e representante da Coligação "Centro do Guilherme é de todos Nós".

Ele saiu de Centro do Guilherme em sua moto por volta de 8 horas com destino a Governador Nunes Freire.

Sua moto, mochila, documentos e celular foram encontrados no Povoado Mesbla localizado entre Maranhãozinho e Gov. Nunes Freire por volta das 11 horas.
A policia Militar já vez buscas em hospitais da região,mais até agora ele está desaparecido.


A família está ansiosa por notícias do mesmo.

Quem tiver alguma informação entre em contato com a Polícia ou então através do (98) 99613-8665.
São Lourenço fez festa pra receber André Dourado 22


A caravana do 22 realizou mais uma reunião política no povoado São Lourenço com a presença do candidato a prefeito André Dourado, seu vice Milton Maia, candidatos a vereadores, lideranças politicas de varias povoados e a presença de centenas de pessoas que compõem a caravana da vitória, e mostrou a sua força na zona rural do município.

Milton Maia vice candidato a prefeito, destacou em suas palavras " a Zona Rural do nosso município é muito carente de obras, mais isso é uma realidade que está próxima de ser mudada, pois eu faço um compromisso com vocês como futuro vice prefeito desta cidade buscar projetos e emendas junto com nosso futuro prefeito André Dourado para viabilizar muita ações na Zona Rural, mas para isso comunidade de São Lourenço precisamos do voto de confiança de todos vocês, então peço o apoio e voto de cada um de vocês.Resumiu Milton.


Em seu discurso André firmou compromisso de arrumar a bagunça que está hoje,Carutapera com servidores com salários atrasados e ruas e avenidas cheios de buracos.

“Nós temos o compromisso de arrumar essa bagunça. Temos de colocar quem tem atitude para resolver e tirar quem apenas promete, que tem a coragem de repetir as mesmas promessas, mas nada faz”, disse André.

Em todos os eventos que participou, André Dourado 22 pediu o empenho de todos, lembrando que não adianta eleger apenas a ele como prefeito, que é necessário eleger também os candidatos a vereador da Coligação “Carutapera de Volta ao Progresso”. “Um prefeito sozinho, sem uma Câmara Municipal forte, honesta e trabalhadora nada pode fazer. Por isso, para que possamos resolver os problemas da cidade, precisamos eleger também nossos vereadores. Precisamos de uma Câmara que trabalhe pelo povo junto comigo”, completou.



Faltam sete dias para as eleições 2016.

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog